out 13

Há quase dois anos, todos os meses na última 6ª feira/16hs. A platéia não é grande, mas satisfatória! São Professores e Estudantes que se reúnem numa das salas do Discente V ou VI. Motivação: debate de um tema que envolve o Projeto de Extensão Universitária, na área de Filosofia e Educação. Até agora – de acordo com os cálculos – foram aproximadamente 20 palestras voltadas especialmente para alunos de todos os níveis, ministrados na FCT/Unesp. O ideal é que eles participem de todas as palestras.

Cumpre ressaltar que o encontro é organizado pelo grupo do Projeto Filosofia e Ciência e reúne mensalmente um bom número de participantes formado principalmente por docentes e discentes; ficando também aberto a eventuais interessados. O último tema desenvolvido na Sala 6 (Disc.VI), esteve relacionado à Arte e Razão. Daí a interrogação: Qual a relação entre a Arte e verdade? A Arte deve ser usada como instrumento ideológico?

Há alguns meses, tivemos a oportunidade de acompanhar uma palestra proferida pelo Prof.Dr.Nery Alves. Tema: “O que é a vida”? O tema foi extenso e está contido em vários livros. Entre os quais: “O aspecto físico da célula viva”, de Erwin Schröding, da Editora Unesp. E mais: “O que é vida?” – 50 anos depois, de Michael P.Murphy e Luke A.J.O’neill – Especulações sobre o futuro da Biologia.

Neste mês de Outubro, a palestra veio no início do mês, isto é na 1ª sexta-feira e certamente terá repetição na última sexta-feira, dia 27 de Outubro. Quem conduziu a última palestra foi o Prof.Dr.Messias Meneguette Junior e o título: “A beleza salvará o mundo”, do livro “As grandes catedrais”, de Auguste Rodin. O palestrante explica que não é privilégio de professores, mas também dos alunos com base em algum livro que o estudante já tenha lido.

Em termos de palestra, o Professor Meneguette disse: “As grandes catedrais foram constituídas a exemplo dos corpos vivos: suas concordâncias, seus equilíbrios são exatamente na ordem da natureza, procedendo de leis gerais. As catedrais impõem o sentimento de confiança, de segurança, de paz. Pela harmonia.

Os grandes mestres que edificaram essas maravilhas monumentais possuíam toda a ciência e podiam aplicá-la, porque haviam bebido em suas fontes naturais, primitivas, e porque ela (natureza) havia permanecido neles.

As cores em que os pintores então molhavam os pinceis são a luz e a sombra dos dias e dos crepúsculos. Tudo se relacionava, o mais ínfimo elemento de verdade sugere verdade inteira, o belo não é distinto do útil: é a força que produz a graça: é uma perversão do gosto ou uma perversidade do espírito buscar a graça na debilidade”.

A próxima palestra já tem um convidado especial: o Professor Rodrigo, que no dia 27 de Outubro (última 6ª feira do mês), às 16hs na Sala 6 do Discente VI da FCT/Unesp, falará sobre “Filosofia da Educação”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Prof.Dr.Messias Meneguette Junior foi o convidado especial para proferir palestra pelo Projeto Filosofia & Ciência, no início deste mês na FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Encontro realizado na Sala 6 do Discente VI, reuniu Professores e Estudantes interessados na questão relacionada à Arte e Razão.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Em período anterior, o Prof.Dr.Nery Alves foi convidado a falar sobre o aspecto físico da célula viva. O que é vida? Especulações sobre o futuro da biologia.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Em sua palestra, o Professor Meneguette abordou a relação entre Arte e Verdade (a Arte e a Razão). E citou o livro: “As grandes catedrais”.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

out 03

Ampla Exposição promovida pelo Museu de Arqueologia Regional da FCT/Unesp e Acervo Educacional de Ciências Naturais  da Unoeste.

Desde a Abertura no dia 29 de Setembro, o IBC – Centro de Eventos – está sediando o 8º Salão do Livro, um dos maiores eventos culturais da região de Presidente Prudente envolvendo toda a comunidade regional. O Museu de Arqueologia Regional/MAR da FCT/Unesp participa do evento juntamente com o Acervo Educacional de Ciências Naturais/AECIN da Unoeste, através de uma Exposição que desperta a atenção de todos os visitantes.  Trata-se da Educação Ambiental e Patrimonial: Paisagens do passado, sob a coordenação da Profª.Drª.Neide Barrocá Faccio (curadora e organizadora).

A Exposição Itinerante que vai até o dia 08 de Outubro, tem por objetivo levar o visitante ao período anterior à fundação da cidade de Presidente Prudente, quando o Oeste Paulista era ocupado por grupos indígenas. Isso se dá por meio da apresentação de assentamentos indígenas pré-coloniais, utilizando peças arqueológicas, espécies da flora e da fauna silvestres. Simbolizando a espécie animal foram trazidos para o Stand amostras significativas de animais, aves, répteis e primatas.

O Museu de Arqueologia Regional/MAR, juntamente com o Laboratório de Arqueologia Guarani e Estudos da Paisagem/LAG – ambos da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”/UNESP – Câmpus de Presidente Prudente – desenvolvem pesquisas nas áreas de Patrimônio Arqueológico, Educação Patrimonial, Musealização, Curadoria e Restauro de Acervos. São cerca de 37 mil peças arqueológicas dos grupos indígenas: Guarani, Kaingang e Kayapó do Oeste.

O Museu de Arqueologia Regional/MAR, que funciona junto ao Núcleo Morumbi/Unesp oferece gratuitamente visitas monitoradas. Além de oficinas de pintura Guarani, em cerâmica, de arte rupestre, de produção de cerâmica Gurani e de Lascamento em pedra.  Simultaneamente estão sendo lançados dois novos livros: “Paisagens culturais do Estado de São Paulo –  Coleção – Os primeiros que chegaram” e “Cultura, Arqueologia e Etno-História: um panorama do norte do Estado do Paraná”, ambos, pela Editora Canal 6, de Bauru/SP.

Já o Acervo Educacional de Ciências Naturais – AECIN – da Universidade do Oeste Paulista/Unoeste, consiste de um espaço interdisciplinar destinado ao desenvolvimento de atividades científicas, educativas, culturais e de extensão à comunidade de Presidente Prudente e região. Trata-se de um Museu local com características de um Museu Ambiental, embora exiba também uma vertente arqueológica, geológica e histórica.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Profª.Drª.Neide Barrocá Faccio e seus assessores foram os primeiros a chegar ao IBC – Centro de Eventos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O público foi chegando devagarinho desde a 1ª noite e o stand reservado para a Exposição é um dos mais visitados.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Aqui se vê um retrato fiel do passado, quando a região foi habitada pela população indígena: Guarani, Kaingangs e Kayapó.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Museu de Arqueologia Regional – MAR – da FCT/Unesp trouxe para o local de Exposição no IBC, inúmeras peças do Acervo indígena.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

ago 16

TESE DE DOUTORADO/GEOGRAFIA

Encontro Comentários desativados

Candidato fez sua defesa pública no Anfiteatro II da Faculdade de Ciências e Tecnologia da FCT/Unesp.

No dia 14 de Agosto no período matinal, o candidato Rosivanderson Baia Correa do Programa de Pós-Graduação em Geografia defendeu tese perante a Comissão Examinadora, reunida no Anfiteatro II. Orientador: Prof.Dr.Antonio Nivaldo Hespanhol, da FCT/Unesp. Tema: “Uso do território e perspectiva de desenvolvimento: análise da produção de Açaí na região Tocantina/PA”.

Na mesa principal – além do Orientador e Presidente dos trabalhos – os seguintes docentes: Prof.Dr.Eliseu Savério Sposito e Prof.Dr.Eduardo Paulon Girardi, ambos do Departamento de Geografia da FCT/Unesp: Prof.Dr.Francisco Fransualdo de Azevedo, do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e Prof.Dr.Gilberto de Miranda Rocha, do Núcleo de Meio Ambiente da Universidade Federal do Pará.

O trabalho desenvolvido pelo Doutorando tem como objetivo principal, investigar e analisar a produção do Açaí (Euterpe olerácia martius) na região tocantina do Estado do Pará. Em particular os municípios de Cametá, Igarapé Mirí e Oieiras do Pará, pertencentes à microrregião geográfica de Cametá, considerados como grandes produtores de Açaí. Trata-se de uma produção na fase de grande expansão e excelente aceitação no mercado externo: regional, nacional e global.

O recorte temporal selecionado se estende – de 1990 até os dias atuais – por ser este o momento em que o Açaí-fruto (em forma de polpa), começa a ser comercializado fora da região. Além do consumo interno da Amazônia. Rosivanderson Baia Correa explica em sua defesa de tese que “a partir da polpa do Açaí surgem novos produtos, como o Sorvete de Açaí; Mix energéticos; refrigerantes, etc. A principal problemática investigada foi representada por vantagens às populações ribeirinhas que produzem Açaí, através da expansão do circuito espacial. Ou seja: para os mercados nacional e internacional”.

Conforme acentuou o Doutorando, a investigação foi realizada – utilizando pesquisa bibliográfica – e “além disso: pesquisa de campo e pesquisa documental. Os resultados apontam: existem perspectivas de desenvolvimento a partir da produção de Açaí. Especialmente aliadas a essas atividades, como a pesca e o cultivo de outras culturas” – concluiu.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Rosivanderson Baia Correa, do Programa de Pós-Graduação em Geografia da FCT/Unesp, defendeu tese de Doutorado no dia 14 de Agosto (Anfiteatro II).

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Doutorando teve como seu Orientador, o Prof.Dr.Antonio Nivaldo Hespanhol, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente/SP.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

out 29

Como vem ocorrendo nos últimos anos, o dia dedicado ao funcionalismo público (28/Outº) foi marcado no Câmpus Universitário da FCT/UNESP/Presidente Prudente, como de intensa movimentação, envolvendo Servidores, professores, alunos e convidados. Em atenção a um chamamento geral, o primeiro encontro – MOVIMENTE-SE – verificou-se no Anfiteatro III, onde a programação teve sua abertura, através da palavra da Profª.Drª.Roselene M.R.Lorençoni, que representou a Diretoria da FCT/UNESP.

Em seguida, foram ministradas duas importantes palestras pelos docentes: Cassiano Ricardo Rumim e Maria Assunção Azevedo, versando sobre “Fortalecimento de vínculo e relação no trabalho” e “Saúde da Mulher”, acompanhadas com o maior interesse por parte da platéia presente. Alguns vídeos apresentados a titulo de esclarecimento também serviram para enriquecer o conteúdo dos temas enfocados pelos palestrantes. Ainda no período matinal, foram desenvolvidas outras atividades voltadas à saúde e bem-estar, avaliação física e práticas esportivas, em parceria com a Atlética de Presidente Prudente e Performance – Empresa Jr de Educação Física.

No período da tarde, a programação especial ganhou novos atrativos. Na parte térrea do Bloco Central da Diretoria, estudantes de Medicina do 2º Termo da UNOESTE (dez) foram incorporados ao esquema organizado pelos Coordenadores: Judith Teixeira (Enfermeira); Luis Alberto Gobbo; Giovana Rampazzo Teixeira (Rede Viva Melhor e Sitra) e pela Enfermeira Márcia Bueno, realizando trabalhos relevantes no atendimento a centena de pacientes, constituídos em sua maioria por Servidores, estudantes e docentes da FCT/UNESP.

Comunidade com participação ativa

Por mais de três horas seguidas, o que chamou a atenção dos que participaram do MOVIMENTE-SE foi o interesse demonstrado por mais de uma centena de pessoas na realização dos testes pressão arterial, diabetes, glicemia (com coleta de sangue), colesterol, triglicérides, avaliação postural, obesidade (peso, altura, cintura abdominal), e também Orientação Nutricional. São fatores importantes para a saúde humana, cujos resultados podem identificar ou prevenir doenças crônicas, metabólicas, transmissíveis ou não transmissíveis.

No decorrer das últimas horas do dia, vários setores do Câmpus Universitário foram transformados em áreas de competições esportivas, ginástica, aulas de danças – Zumbi, Jumping, etc – jogos de futebol, volei, fut-sal, basquete e truco. Foram atividades de um dia dedicado ao funcionalismo público, envolvendo a comunidade universitária, professores e servidores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – SP. No total geral, mais de 130 pessoas envolvidas na coordenação e realização do evento e mais de 200 pessoas beneficiadas com o atendimento.

Presença durante todo o período de realização do MOVIMENTE-SE, do Vice-Diretor José Carlos da Silva Camargo Filho, representando o Diretor, Prof.Dr.Marcelo Messias que viajou para São Paulo, a fim de participar de reunião na Reitoria da Unesp. O balanço final dessa extraordinária realização foi considerado positivo, superando todas as expectativas – disseram seus coordenadores.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Logo cedo – por volta das 8h30 – já chegavam ao Anfiteatro III da FCT/UNESP os primeiros participantes do MOVIMENTE-SE, em comemoração ao dia do Funcionalismo Público.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A 1ª palestra do dia, foi pronunciada pelo Prof.Dr.Cassiano Ricardo Rumim, sob o tema: “Fortalecimento de vínculo e relação no trabalho”. Uma platéia seleta se fez presente.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No bloco central da Diretoria da FCT outro importante setor de atendimento: com a presença do Vice-Diretor, Prof.Dr.José Carlos da Silva Camargo Filho, a fim de se submeter a vários testes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Na verdade, houve excelente atuação de coordenadores, professores, enfermeiras e alunos para dar atendimento a todos os Servidores e demais interessados nos testes e avaliação postural.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Os atendentes se empenharam ao máximo em prestar assistência a todos que os procuraram durante a realização do MOVIMENTE-SE, cujos resultados foram positivos sob todos os aspectos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
E finalizando, uma avaliação postural a quem merece atenção especial: o Vice-Diretor da FCT/UNESP, que ficou impressionado com o atendimento prestado este ano à centenas de pessoas.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

dez 11

Perante uma Banca Examinadora constituída pela Profª.Drª.Cristina Elene Teles Fregonesi, docente do Deptº de Fisioterapia da FCT/UNESP ; Profª.Drª.Angélica Mércia Pascon Barbosa, do Deptº de Fisioterapia e Terapia Ocupacional / Defito/Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília/SP e Profª.Drª.Dalva Minonroze Albuquerque Ferreira, do Deptº de Fisioterapia da FCT/UNESP,a candidata Nathália Ulices Savian fez sua defesa pública de dissertação de Mestrado em Fisioterapia.

O tema da dissertação de Mestrado (Programa de Fisioterapia da FCT/UNESP), foi diretamente ligado à questões de Saúde. Mais propriamente à gravidez como processo fisiológico compreendido a partir da fertilização, pela sequência de adaptações ocorridas no corpo da mulher. Título: “Avaliação em gestantes: Aspectos clínicos e funcionais”, tendo sido realizado no Anfiteatro III, no período da manhã de 06 de Dezembro, a partir das 09hs.

A dissertação

Em sua defesa de dissertação de Mestrado/Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia, Nathália relata que “a preparação do corpo para a gestação envolve ajustes dos mais variados sistemas e pode ser considerada um estado de saúde que envolve mudanças fisiológicas iguais ou maiores do que as que acompanham muitos estados patológicos” (Gazeano e Oliveira, 1998: MANN.2011). Durante o período gestacional, a principal queixa das gestantes e uma das principais causas de licença médica é a dor pélvica. Esta caracteriza-se por uma desordem músculo esquelética que afeta uma em cada cinco mulheres grávidas e que, ao longo da gestação, pode diferenciar-se pelo grau de comprometimento (Vollestad, 2009: Robinson et Al, 2010B;Spiko, 2010; Ferreira, 2012).

A Mestranda diz ainda: Geralmente, a dor se inicia no primeiro trimestre gestacional, cessando pouco depois do parto. Sua etiologia ainda não foi totalmente elucidada. No entanto, este fato pode indicar que fatores gravídicos fisiológicos estão associados com esta disfunção (Bjelland, 2010) tais como: tensão mecânica, afrouxamento dos ligamentos pélvicos por fator hormonal, alterações das articulações do quadril, sacroilíacas ou sinfise púbica, e distúrbios circulatórios periféricos (Vleeming et Al, 2010; Spiko, 2010; Bjelland, 2010). Sendo assim, a avaliação dos aspectos clínicos e funcionais das gestantes torna-se importante para garantir uma intervenção de qualidade e precisa – finalizou.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Anfiteatro III da Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente – Nathália Ulices Savian fez sua dissertação de Mestrado/Fisioterapia, tendo como Orientadora a Profª.Drª.Cristina Helena Prado Teles Fregonesi, do Deptº de Fisioterapia da FCT/UNESP.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Anfiteatro onde se reuniu a Banca Examinadora juntamente com a Mestranda para a sessão de defesa pública de dissertação de Mestrado – Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia – também estiveram inúmeros colegas de curso, amigos e familiares.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

set 12

No período compreendido entre 02 a 06/Setembro realizou-se no Auditório da FCT/UNESP a 2ª Semana da Química e da Física de Presidente Prudente. Tema do evento:”A Ciência no desenvolvimento humano e tecnológico”, com Oficinas, Apresentação dos Grupos do DFQB, Minicursos, Palestras e Mesas redondas. A abertura oficial ocorreu na noite de 2ª feira, dia 02 de Setembro; e no encerramento (dia 06/Setº) um Sarau Cultural, com literatura e música “ao vivo” com a Banda Panamá. No dia anterior foram desenvolvidas duas Mesas redondas,com excelentes resultados, envolvendo a participação direta de egressos dos cursos de Química e Física da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – SP.

Os minicursos realizados nos três últimos dias do evento, reuniram destacados convidados. Entre os quais, o Prof. Dr. Diógenes Galeti – IFT-UNESP (Física Nuclear); Prof.Dr.Marcelo de Freitas Lima – IBILCE/UNESP (Editoração Eletrônica para Químicos); Prof.Dr.Alexandre Cesar Dourado –IBILCE/UNESP (Astrofísica); Prof.Dr.André Luiz Tessaro – UTFPR (Desvendando a físico-química ); Prof.Dr.Luis Octavio Regasini – IBILCE/UNESP (Farmoquímica de produtos naturais); Prof.Dr.Roberto Morato Fernandez – IBB/UNESP (Física Médica); Prof.MS.Alex Lino – UNIP/ASSIS (A Filosofia não para) e Profª. MS.Janaína Farias Ornellas – USP/SÃO PAULO (Ciência, Tecnologia e suas implicações no ensino).

No dia 05/Setembro, como parte do evento foi realizada no Auditório da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP (Câmpus de Presidente Prudente), uma Mesa Redonda com Alunos Egressos dos Cursos de Química e Física. A atividade fez parte da programação da II Semana de Química e Física (II SEQuiFisPP), promovida pelo Grupo PET Química e Física desta unidade da UNESP.

A Mesa redonda (única realizada durante a Semana da Química e da Física), reuniu os seguintes integrantes – egressos – para relato de suas experiências na vida profissional: Murilo Paiano, Técnico de Laboratório; Janaína Ornelas – Doutorado/USP; Luciana Leskvicius – bolsista/Grupo PET; Pedro Aoki – Doutorado FCT/UNESP e Gabriel Espírito Santo – Mestrado/Física. A Mesa redonda funcionou com o envolvimento de alunos, professores e ex-alunos do curso de Química e Física, com ampla exposição pelos componentes da banca, acrescentando-se debates e esclarecimento de dúvidas a respeito das atividades profissionais.

A Coordenadora do curso de Química e Tutora do Grupo PET – Química e Física da FCT/UNESP, Profª.Drª. Beatriz Eleutério Goi mostrou-se satisfeita com o sucesso alcançado com mais esta realização, cujos reflexos já estão sendo evidenciados. No próximo evento, certamente muita coisa que fez parte da Semana da Química e da Física/2013 passará por uma avaliação, buscando sempre o aprimoramento.

A propósito, a Professora Beatriz relata: “Através da explanação dos formados que compuseram a mesa, gerou-se o debate onde aqueles que estavam no público – estudantes e professores – puderam colocar sua visão sobre a trajetória acadêmica, contribuindo para a melhoria dos cursos envolvidos. Desta forma, tornou-se possível criar condições de ampliação das perspectivas propostas pelos cursos; e além disso, houve importante contribuição para se estender além da Universidade, através da formação de cidadãos mais críticos e envolvidos com a sociedade” – concluiu.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Entre os dias 02 e 06/Setembro realizou-se no Auditório da FCT/UNESP a 2ª Semana da Química e da Física de Presidente Prudente, com importantes convidados.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A participação dos Egressos na Mesa redonda do dia 05/Setembro, chamou a atenção de todos pelo tema do evento: “A Ciência no desenvolvimento humano e tecnológico”

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O relato pessoal de cada participante desse encontro realizado no Auditório da FCT/UNESP marcou o atual avanço tecnológico e a nova abertura para o mercado de trabalho.*

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Com a explanação dos alunos que passaram pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP, gerou-se o debate em torno da atividade profissional, com excelentes testemunhos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Professores e estudantes puderam dialogar livremente: cada um trazendo seu testemunho pessoal e de atividades profissionais, após a conclusão do curso em Pres.Prudente.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Mesa redonda envolvendo alunos, docentes e ex-alunos dos cursos de Química e da Física ministrados na FCT/UNESP, serviu para demonstrar a importância desse aprendizado.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No encerramento da Semana da Química e da Física, um pouco de entretenimento e descontração com o Show da “Banda Panamá”, aqui representada por três de seus integrantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A apresentação da Banda Panamá foi precedida de um Sarau Literário e Cultural promovido pela Associação Prudentina de Escritores que tem como Presidente, o Prof. Carlos Antonio Freixo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Os integrantes da “Banda Panamá” concluíram sua apresentação especial no Auditório da UNESP, com os agradecimentos e aplausos do público presente e dos organizadores do evento.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

abr 23

No período de 14 a 17 de Abril, o Centro de Promoção para a Inclusão Digital (CPIDES) e o Grupo de Pesquisa Ambientes Potencializadores para Inclusão (API) realizaram com o apoio da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Campus de Presidente Prudente – o II Simpósio Internacional de Educação à Distância e o IV Simpósio de Educação Inclusiva e Adaptações. Os dois eventos simultâneos obtiveram ampla repercussão, contando com a participação de docentes, estudantes e três renomados conferencistas. Coordenação dos Profs.Drs.: Klaus Shlunzen Júnior e Elisa Tomoe Moriya Schlunzen.

A Sessão de Abertura Oficial ocorreu às 19h30 do dia 14/Abril e foi presidida pelo Prof.Dr.Antonio Nivaldo Hespanhol, Diretor da FCT/UNESP. Seguiu-se o pronunciamento do Coordenador, Prof.Klaus e a Conferência do primeiro convidado, o Prof.Dr.David Rodrigues, docente da Universidade Técnica de Lisboa no dia 15/Abril no Auditório da FCT/UNESP. O docente convidado, teceu considerações sobre: “Uma abordagem ecológica da Educação Inclusiva”. O assunto despertou interesse e manifestações dos participantes durante o período de Interação.

No decorrer dos dias 14 a 17/Abril foram desenvolvidas no Campus da Unesp – Presidente Prudente – diversas atividades, conforme programação previamente elaborada. Oficinas, Sessão Poster e Apresentação Oral fizeram parte dessa programação especial no período diurno. Desde a Abertura até o encerramento do evento não faltou o apreciado coffee Break.

A segunda conferência – dia 16 de Abril – foi ministrada pelo Dr. José Armando Valente, Professor da UNICAMP e Colaborador do Programa de Pós-graduação em Educação da PUC-SP; Apresentação Oral no período noturno. No dia seguinte ( 17/Abril), as atividades foram desenvolvidas no decorrer do período diurno, encerrando-se com a conferência que foi proferida no período vespertino (17h) pelo representante da Universidade Federal da Bahia, Nelson Pretto. Tema: Tecnologias Digitais: desafios para a construção de uma escola Inclusiva.

Ao se encerrar o evento, os organizadores opinaram que tudo foi além da expectativa, transcorrendo de forma altamente produtiva. Houve repercussão geral, positiva, com 350 participantes; e pelo volume de trabalhos superou o evento anterior.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Abertura Oficial do evento realizado no Campus da FCT/UNESP, pelo Diretor, Prof.Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol, ao lado do Prof.Dr.Klaus Schlunzem Junior, Coordenador.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Coordenador, Prof.Dr.Klaus no seu pronunciamento inicial, falando sobre a importância desse evento Internacional. Também se pronuncia, o Prof.Dr.Mário H.Tarumoto.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O nº de participantes superou a expectativa: cerca de 350 inscritos, que foram envolvidos numa extensa programação. O Prof.Dr. David Rodrigues, da Universidade Técnica de Lisboa, o 1º Conferencista.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
E também não poderia faltar, o 2º Conferencista especiamente convidado: Prof.Dr. José Armando Valente, da UNICAMP e Colaborador do Progr.de Pós-graduação em Educação da PUC-SP .

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No encerramento deste significativo evento Internacional de Educação à Distância – II Simpósio – e IV Simpósio de Educação Inclusiva, participação do Conferencista Nelson Pretto, da Universidade Federal da Bahia.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

jun 21

No último final de semana, as Regionais da CATI – representadas pelas unidades de Presidente Prudente, Presidente Venceslau – juntamente com o Pólo Regional da Alta Sorocabana/APTA, promoveram encontro no Auditório V que reuniu grande número de participantes, provenientes dos mais diversos pontos do extremo-oeste paulista. Foi o Encontro Regional para avaliação do Plano de Desenvolvimento Rural Sustentável – Organização Rural de Presidente Prudente, aberto às 9hs da manhã do dia 17 de Junho, com a palestra do Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol – Diretor da FCT/UNESP – que falou sobre as Organizações Rurais.

Em seguida, foram abordados outros temas, como: Caracterização das Regionais de Prudente e Venceslau, pelo representante da CATI, Celestino Rioyti Kiryuo; Diagnóstico das Regiões de Pudente e Venceslau, por Danilo Morel Pinto e Leonildo Moreira, ambos do Conselho Regional, seguidos por Nobuyochi Narita, da APTA-Polo da Alta Sorocabana, com sede em Presidente Prudente. E concluindo a parte da manhã, apresentação da Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola – FUNDAG – por Orivaldo Brunini.

No período da tarde foram desenvolvidas Oficinas de trabalho das cadeias produtivas priorizadas e organização rural: Bovinocultura de leite; Fruticultura, Olericultura; Piscicultura e Silvicultura. Finalizando a programação foi apresentado o Diagnóstico das cadeias produtivas e organização rural. O evento contou com o apoio da Unesp – Campus de Presidente Prudente – Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola – Fundag – Instituto de Terras – Itesp – e Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios – Codeagro.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Encontro Rural promovido pela CATI -Reg.de Prudente,Venceslau e APTA- teve como 1º palestrante, o Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol, Diretor da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Esta é a região do extremo-oeste paulista, onde se desenvolve o Plano de Desenvolvimento Sustentável, realçado pelos palestrantes que representam a CATI de Pres.Prudente e Pres. Venceslau.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O evento chamou a atenção dos moradores dedicados à atividade rural e principais dirigentes das entidades que prestam serviços à comunidade regional, numa extensa área que vai até o Pontal do Paranapanema.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

abr 12

A visita pela primeira vez de uma comitiva representada por diplomatas, intelectuais, professores e estudantes do Instituto Confúcio à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp/Campus de Presidente Prudente, foi o acontecimento mais significativo deste novo ano de 2011. Todos os visitantes foram recepcionados pela Diretoria da FCT/UNESP, representada pelo Diretor, Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol, pelo Vice-Diretor, Prof. Dr. Marcelo Messias, docentes, funcionários e participantes do Curso de Mandarim do Instituto Confúcio, conveniado com a Unesp. A delegação visitante foi liderada em sua chegada pelo Prof. Dr. Li Xiangkun, um dos Diretores do Instituto Confúcio na China.

Após os cumprimentos de praxe, os visitantes fizeram demonstração dos traços fortes da caligrafia expressada por dialetos chineses classificados dentro da língua mandarim, além de pintura chinesa produzida por acadêmicos e professores do Departamento de Artes da Universidade de Hubei da China. Juntamente com os anfitriões da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp; também se fizeram presentes vários docentes e funcionários da Universidade, bem como autoridades locais. Entre elas o prefeito Milton Carlos de Mello “Tupã”. Para facilitar o entendimento da linguagem falada entre brasileiros e chineses, foi disponibilizado um serviço de tradução simultânea, conduzido de forma impecável pelo Sr. Walmir César Lanza Caldeira, Supervisor da Seção de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão – SAEPE – da FCT/UNESP.

Durante o café da manhã que ocorreu no Auditório Prof. Dr. Marcos Alegre, o Prefeito Tupã deu boas vindas à comitiva chinesa em nome de toda a população e destacou a importância da relação entre os dois povos – chineses e brasileiros – para difusão de ambas as culturas. Fez questão de rememorar que na segunda quinzena de Fevereiro recebeu no gabinete do Paço Municipal “Florivaldo Leal”, a Qingdao Bright Textile Co Ltd, que responde por um conglomerado de empresas chinesas, das quais muitas demonstraram manifestação e interesse em se estabelecer em Prudente. “Sejam bem-vindos e que nós possamos nos conhecer melhor”, disse o Prefeito.

O Diretor da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp em Presidente Prudente, Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol, assim como o Vice-Diretor, Prof. Dr. Marcelo Messias, o Prefeito e outras personalidades, também recepcionaram com boas vindas os membros da comitiva do Instituto, que no ano passado viabilizou a implantação do curso de mandarim no campus da Unesp. A saudação foi dirigida inicialmente ao Prof.Dr. Li Xiangkun, ao Prefeito, Secretários Municipais, empresários e demais autoridades. Em especial ao Prof.Dr. Raul Borges Guimarães, em nome do qual, o Prof. Nivaldo cumprimenta todos os servidores docentes, técnico- administrativos e discentes da FCT/UNESP.

Em nome da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – disse o Prof. Nivaldo – eu manifesto a satisfação em compartilhar com a Prefeitura Municipal de Presidente Prudente, à recepção do Diretor do Instituto Confúcio, neste momento, e do Cônsul, vice-Cônsul e Consulesa da China, no Centro Cultural Matarazzo. Recordou que em meados do ano passado foi procurado pelo Prof. Dr. Raul Borges Guimarães, o qual lhe apresentou a proposta de abrir uma turma de Mandarim, aqui no Campus da Unesp. A princípio, achou a proposta interessante, mas não imaginava que o interesse e a procura pelo curso fossem tão grandes. Logo de início ,não foi formada uma turma conforme o planejado, mas duas e logo em seguida, três turmas. “Desde então, nós só ouvimos falar bem do curso de Mandarin e da Professora Helena” – ressaltou o Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol.

Na sequência de seu discurso, o Prof. Nivaldo disse que a cultura chinesa e o aprendizado de Mandarim têm despertado o interesse dos prudentinos. “Certamente o fato da Economia Chinesa ter crescido cerca de 10% ao ano, nos últimos 30 anos e de ter se tornado a segunda maior economia o mundo, tem contribuído para despertar o interesse dos prudentinos, inclusive dos empresários que querem fazer negócios com a China” – frisou.

A China, o Brasil e a Índia (os BRICs) já mudaram o status político e econômico no contexto mundial. As parcerias sadias entre o Brasil e a China farão muito bem aos dois países. A China tem muitas coisas que interessam ao Brasil e o Brasil tem muito a oferecer para o mercado chinês – afirmou o Prof. Nivaldo. E para finalizar, agradeceu ao Diretor do Instituto Confúcio pela gentileza de sua visita. Ao mesmo tempo, agradeceu também a todas as pessoas que vieram prestigiar a cerimônia. Em especial, ao Prefeito Milton Carlos de Mello – Tupã – pela parceria na recepção à Delegação da China, dentre outras que serão estabelecidas, em benefício da FCT/UNESP e da cidade de Presidente Prudente.

O curso citado pelo Prof.Dr. Nivaldo, é gratuito, sendo ministrado desde Agosto do ano passado pela Professora Helena Lim, e oferecido num período de três anos contínuos a acadêmicos e pessoas interessadas da comunidade. Tínhamos imaginado apenas uma turma. Hoje são seis turmas que contemplam 180 alunos”, acrescentou o Prof. Dr. Raul Borges Guimarães, ressaltando que através do estudo do Mandarim, os brasileiros podem conhecer uma pouco mais da cultura chinesa, ficando na expectativa de que os atuais visitantes conheçam melhor o Brasil”.

Outras atividades no campus da Unesp

Ainda no período da manhã do dia 05 de Abril, realizou-se no Anfiteatro I da FCT/UNESP, um breakfast para estreitar o relacionamento dos visitantes com os acadêmicos locais. Logo em seguida, palestra sobre a China, ministrada aos alunos do Curso de Mandarm e convidados. Após , no mesmo local, ou seja: Anfiteatro I, houve demonstração de Caligrafia chinesa, além da tradicional Cerimônia do Chá, encerrando assim as atividades no ambiente acadêmico. As propostas foram coordenadas pelos Professores do Departamento de Geografia da Unesp, Raul Borges Guimarães e Marcos Cordeiro Pires (Diretor Associado) , representando a direção brasileira do Instituto Confúcio.

No período da tarde, mais propriamente, a partir das 16h30 no Centro Cultural Matarazzo, autoridades da segunda maior economia do mundo, entre elas o Cônsul Geral da China, Sun Rongmao, a Consulesa Wu Jun, e o Vice-Cônsul Zhao Dong, participaram de reunião com a classe empresarial. E tiveram também de oportunidade de conhecer no dia seguinte, as principais dependências localizadas no Campus Universitário da FCT/UNESP, devidamente acompanhados de seus Assessores diretos e acompanhados em todos os momentos pelos Diretores da Universidade.

Por fim à noite, vinte e cinco bailarinos da Universidade de Hubei, apresentaram um maravilhoso espetáculo – inédito no Brasil – com a presença do tradicional Grupo de Arte chinesa (fundado em 1995 e premiado nos Festivais de Artes de vários países, inclusive Estados Unidos, em 2009), no Centro Cultural Matarazzo, com inúmeras coreografias. A dança do Dragão e do Leão, foram impressionantes e agradaram toda a platéia presente. A mídia eletrônica, Jornais e Emissoras de Rádio e Televisão – especialmente a TV Fronteira/Rede Globo e a TV Bandeirantes – deram cobertura especial à visita da Delegação Chinesa e principalmente as atrações proporcionadas pela equipe da Universidade de Hubei da China, em parceria com a FCT/UNESP.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
A Delegação visitante é recepcionada no Anfiteatro da Fundacte, no campus da Unesp.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
Os membros da Representação Chinesa recebem as boas vindas do Diretor da FCT/UNESP.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
A saudação é feita pelo Prof. Dr.Antonio Nivaldo Hespanhol, a todos os membros da comitiva.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
Um café tipicamente brasileiro é servido aos visitantes e o Prof.Dr.Li Xiangkun parece ter gostado.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
Autoridades e participantes do encontro tiveram a oportunidade de conhecer a tradicional cerimônia do chá.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
No Centro Cultural Matarazzo,outro encontro dos mais importantes com a classe empresarial da região.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
Aqui, a presença do Cônsul Geral da China, a Consulesa e o Vice-Consul, saudados pelo Prefeito e Prof.Nivaldo.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
A comunidade local prestigiou a visita da Delegação chinesa, comparecendo em massa ao Festival de Artes.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
Dança do Dragão e Dança do Leão apresentadas p/Grupo de Artes da Universidade de Hudei,a grande atração.

Clique para ampliar!Clique para ampliar!
Esta foi a Apoteose para a história cultural e científica de Presidente Prudente, por iniciativa da FCT/UNESP.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

set 30

No último final de semana, mais propriamente na noite de 30 de Setembro, a Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP – Campus de Presidente Prudente – promoveu o 25º Encontro de Secretários Estaduais. Estiveram presentes – além de diretores e assessores de diversas as unidades do Estado de São Paulo – o Reitor Herman J.C. Voorwald; o Vice-Reitor Júlio César Durigan e o Pró-Reitor de Administração, Ricardo S.G. Abi Rached, que participam de todas as atividades desenvolvidas para a comemoração do evento. O Diretor e Vice-Diretor Profs. Drs. Antônio Nivaldo Hespanhol e Marcelo Messias, respectivamente, foram os anfitriões.

Após a recepção aos ilustres visitantes, verificou-se a Abertura do Congresso no Hotel Fazenda Campo Belo-Resort de Álvares Machado, com cerimonial especialmente preparado para o conclave. Houve diversos pronunciamentos e apresentação musical do “Projeto Camerata”, sob a direção e coordenação do Prof. Luizão. Concluída a solenidade, realizou-se palestra a cargo do Dr. Sidney Dorigon (FCT-UNESP), sobre “Os quatro temperamentos”.

No dia seguinte (01/Outº) foram realizados Mini-cursos – das 08h00 às 12h00 – “Marketing pessoal e o profissional de secretariado: a embalagem corresponde ao conteúdo” por Lisete Vara de Aquino Servantes – QualiOeste – P.Pte; e das 14h00 às 18h00 – “Gestão de documentos de arquivo” por Solange de Souza (CEDEM-UNESP). Às 21h00 – Jantar temático em comemoração ao Jubileu de Prata.

No sábado, marcando o encerramento do Congresso, foram proferidas duas interessantes palestras: Às 08h00 – “Qualidade de vida” com o Dr.Belmiro D’Arce (FCT/UNESP); e às 10h00 – Discussões sobre temas relacionados aos Assessores Administrativos (proposta de divisão em grupos para discussões), e em seguida, reunião conjunta para apresentação dos resultados e propostas. Às 11h00 – Divulgação da próxima Unidade que organizará o evento em 2011. Às 11h30 – Grupo de Teatro Dona Maria Inês – IB-Botucatu.


O Diretor e o Vice-Diretor da FCT Unesp, respectivamente, Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol e Prof. Dr. Marcelo Messias


Prof. Dr. Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Reitor da Unesp, em seu pronunciamento em homenagem ao Jubileu de Prata dos Secretários da Unesp

Prof. Dr. Julio Cezar Durigan, Vice-Reitor da Unesp


Participantes do encontro comemorativo


Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol (Diretor da FCT Unesp)


Prof. Dr. Marcelo Messias (Vice-Diretor da FCT Unesp)

Pronunciamento do Reitor de Administração da UNESP
Dentre os inúmeros pronunciamentos verificados na cerimônia em homenagem aos Secretários da UNESP, comemorativo ao seu Jubileu de Prata, destacamos o Pró-Reitor de Administração, Prof. Dr. Ricardo S.G. Abi Rached que disse: O dia de hoje, é sobretudo, um dia de festa. Um dia de alegria. Este ano, o encontro celebra 25 anos e, portanto, neste seu “Jubileu de Prata”, nada mais justo do que comemorar.

Comemorar é um ato destinado a trazer de volta à lembrança, algo que indica uma ligação entre os homens, fundada sobre a memória. E essa ligação também pode ser chamada de “identidade”. É exatamente porque permite legitimar e atualizar identidades que as comemorações ocupam um lugar central no universo. Comemorar tem a ver com o passado, mas também prever o futuro. Procura-se retirar o passado do esquecimento com o objetivo de descobrir perspectivas novas e positivas para o presente e futuro. Portanto, recordar essas lutas é alimentar o orgulho e se preparar para não esmorecer no presente e no futuro.

O Pró-Reitor acrescentou: “Meu reconhecimento por aqueles, cujos esforços e capacidade têm contribuído para o aperfeiçoamento da UNESP e a consolidação da democracia, da cidadania, dos valores éticos, da justiça; por aqueles que têm contribuído para que esta gestão se torne ética e eficiente”.

O orador lembrou que em 30 de Setembro comemora-se o Dia do Secretário, função que se modernizou com o passar dos tempos e hoje, temos homens no exercício dela. Nessa data, comemora-se o aniversário de Lilian Scholes, filha de Cristópher Scholes, o inventor da máquina de escrever. E ela, Lilian, foi a primeira mulher a usar uma máquina de escrever. Assim, ela se tornou um símbolo e é lembrada até hoje em todo o mundo.

Curiosamente, diz Abi Rached: Há pessoas com menos de 25 anos que jamais se sentaram a frente de uma máquina de escrever. E ao som do matraquear de suas teclas, escreveram poesias, contos ou trabalhos escolares. Recordou uma deliciosa crônica de Mário Prata sobre um curioso artefato encontrado por duas crianças.

“E as máquinas de escrever se tornaram obsoletas do dia para a noite, com o advento dos computadores, que simplificaram e embelezaram o trabalho de compor nossos textos, Com uma variedade de tipos e formatos, que tornam qualquer criança da 3ª.série de hoje, mais cheia de recursos do que as grandes gráficas de 40 anos atrás”.

Ah, meu caro leitor: os milagres da tecnologia são tantos que nos fazem esquecer da boa, sólida e valorosa máquina de escrever. “Eu mesmo, que escrevo à maquina desde os 12 anos de idade, muitas vezes, adormeci ao som do seu suave batucar, enquanto papai escrevia na sala de jantar. Acordava no meio da noite e lá estava o barulho da máquina, que aqui e ali, cortado por pausas; umas curtas e outras mais longas, as pausas da inspiração, durante as quais ele pensava, meditava e fazia contato com esse terreno misterioso, de onde vem as idéias”.

E finalizando seu pronunciamento, do mais profundo conteúdo, disse o Dr.Ricardo Samih Georges Abi Rached nesta homenagem ao 25º Congresso de Secretários da Unesp: “Dalí, daquela valente máquina, o meu pai tirava os seus textos, poemas, e mais do que tudo, o nosso sustento. Posso dizer que, em todos os aspectos, devo o que sou hoje, a uma máquina de escrever”.


Participantes do encontro comemorativo ao Jubileu de Prata dos Secretários da Unesp

Prof. Dr. Ricardo Samih Georges Abi Rached (Pró-Reitor de Administração)

escrito por Assessor de Imprensa