mar 18

O curso de Pós-Graduação em Geografia, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – promoveu entre 09 a 13 de Março, extensa programação envolvendo docentes e discentes. Neste ano, foram inscritos 224 estudantes, dos quais, 136 fazem parte da Pós-Graduação para o Doutorado e 86 foram inscritos para o cumprimento do Mestrado. Trata-se de um programa aprovado nos órgãos colegiados; que funciona desde 29 de Outubro de 1987; porém, iniciado em Março de 1988. Transcorridos portanto, 27 anos ininterruptos a nível de Mestrado nesta região do Estado. Em 1991 a área de concentração foi modificada para “Desenvolvimento Regional e Planejamento Ambiental”; e em 1995 iniciadas as atividades relativas ao nível de Doutorado, recomendado em 04/Dezº de 1997 após avaliação do Grupo Consultivo da CAPES.

Os trabalhos desenvolvidos durante Aula inaugural/2015 foram abertos na manhã de 09/Março no Anfiteatro II, com apresentação do PPGG, seguido de diálogo entre ingressantes e veteranos. No período da tarde, os docentes: Eliseu Savério Sposito e João Lima Sant’anna Neto ministraram palestras abordando aspectos da Pós-Graduação e as instituições de fomento à pesquisa (FAPESP e CAPES). Na 3ª feira,10/Março houve apresentação do GAIA e GEDRA – pela manhã e à tarde – com projetos de pesquisas relacionados às linhas: “Dinâmicas da Natureza” (DN) e “Dinâmicas Agrárias, Políticas Públicas e Desenvolvimento Regional (DAPPDR).

No dia seguinte, ou seja: 11/Março, novas apresentações com Ambientação e colóquio do Orientador e projeção do GADIS e seus projetos de pesquisa da linha “Análise e Gestão Ambiental” (DAPPDR). Na 5ª feira – 12/Março – fase matinal, novas apresentações do GASPERR, CEMESPP e ReCiME e dos projetos de pesquisa da linha Produção do Espaço Urbano (PEU). No período da tarde, apresentação do NERA e dos projetos de pesquisa da linha “Desenvolvimento Territorial” (DT).

Finalmente a sexta-feira,13/Março destinou-se à realização de um Trabalho de Campo na parte da manhã, a cargo dos Profs.Drs.João Osvaldo Rodrigues Nunes e Maria Encarnação Beltrão Sposito, com saída às 07h00 e retorno às 12h00. No período da tarde foi cumprida uma programação interna no Câmpus da FCT/Unesp, e que consistiu nas apresentações do CEGET, CETAS e dos projetos de pesquisa da linha “Trabalho, Saúde Ambiental e Movimentos Socioterritoriais” (TSAMS).

Uma linha de pesquisas diversificadas

O Programa de Pós-Graduação em Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp/ Presidente Prudente é bastante diversificado. Nesta Semana especialmente reservada para desenvolver uma linha diversificada de pesquisas, os temas foram os mais sugestivos. Participaram 40 estudantes (Mestrado e Doutorado). O número de docentes também impressionou: no total 19, todos integrados desde longa data ao Departamento de Geografia da FCT/Unesp.

A linha de pesquisas consistiu por temas os mais diferentes: Dinâmicas da Natureza; Dinâmica Agrárias, Políticas Públicas e Desenvolvimento Regional. Em seguida, Análise e Gestão Ambiental; Produção do Espaço Urbano; Desenvolvimento Territorial; Trabalho, Saúde Ambiental e Movimentos Socioterritoriais. Para conduzir os trabalhos (tanto na área de Mestrado como Doutorado) foram mobilizados 18 docentes, cujos nomes seguem abaixo:

  • Prof. Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol,
  • Prof.Dr.João Lima Sant’anna Neto;
  • Profª.Drª.Margareth Amorim;
  • Prof.Dr.João Osvaldo Rodrigues Nunes;
  • Prof.Dr.Eliseu Savério Sposito;
  • Profª.Drª.Rosângela Aparecida de Medeiros Hespanhol;
  • Prof.Dr.Nécio Turra Neto; Prof.Dr.Everaldo Santos Melazzo;
  • Prof.Dr.Bernardo Mançano Fernandes;
  • Profª.Drª. Maria Encarnação Beltrão Sposito;
  • Prof.Dr.Raul Borges Guimarães; Prof.Dr.Antonio Thomaz Jr;
  • Prof.Dr . Edson Luiz Pirolli;
  • Profª.Drª.Eda Maria Goes;
  • Prof.Dr.Eduardo Paulo Girardi;
  • Profª.Drª.Neide Barrocá Faccio;
  • Prof.Dr.Marcos Aurélio Saquetti;
  • Prof.Dr.Arthur Magon Whitacker e
  • Prof.Dr.Messias Modesto dos Passos, dentre outros.

Como funciona a Pós-Graduação

O Programa de Pós-Graduação em Geografia da Unesp/Presidente Prudente vem procurando estabelecer um vínculo mais consistente entre suas linhas de pesquisa e produção dos grupos acadêmicos e laboratórios da Faculdade de Ciências e Tecnologia. Além disso, tem sido implementada uma política de credenciamento de novos docentes; com incentivo cada vez maior para o intercâmbio de Professores e Alunos, em consonância com várias instituições de pesquisa do Brasil e do Exterior.

A criação dos grupos de pesquisas na FCT/Unesp em Presidente Prudente – a partir dos anos 1990 – pode ser considerada um marco fundamental no desenvolvimento da pesquisa no Câmpus, com reflexos nos rumos do Programa de Pós-Graduação em Geografia. Avaliado pela CAPES com nota 6 nos triênios 2001-2003 e 2004-2006, e com nota 7 no triênio 2007-2009, constituiu-se num dos melhores Programas de Pós-Graduação da UNESP (e também no Brasil). Com aprovação no Programa de Excelência da CAPES a partir de 2008.

Pós-Graduação – Dissertações e Teses defendidas

Até Dezembro de 2012, foram concluídas no Programa de Pós-Graduação em Geografia da FCT/Unesp, 347 dissertações de Mestrado e 167 teses de Doutorado. Defendidas 11 dissertações em 2010 e outras 15 teses; 28 dissertações e 11 teses; em 2011; 16 dissertações e 28 teses de Doutorado em 2012. A partir do mês de Agosto de 2011 teve início a 1ª turma do Curso de Mestrado Profissional no Programa de Pós-Graduação em Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente com aprovação pela CAPES e Nota 3.

A Seção de Pós-Graduação da FCT/Unesp esclarece que durante o ano de 2013 foram oficialmente registradas 24 defesas de dissertação de Mestrado/Programa de Geografia, e 16 teses de Doutorado. No ano de 2014, Mestrado Acadêmico alcançou 27 defesas e outras 7 ref.Mestrado Profissional. Teses de Doutorado totalizaram 14 defesas.

Docentes da Faculdade de Ciências e Tecnologia/Unesp, participam regularmente de atividades em outros programas de Geografia e áreas afins, como membros de bancas de Mestrado, Doutorado e de Concursos Públicos, ministrando palestras ou disciplinas como professores convidados.Tendo em vista manter e ampliar a internacionalização do Programa, os alunos – especialmente os de Doutorado – têm sido incentivados e apoiados a realizar estágios no exterior, Doutorado-sanduíche e em co-tutela.

A internacionalização do Programa também se evidencia na presença de alunos estrangeiros, provenientes de países da América Latina, Europa e África. O ambiente coletivo dos grupos e laboratórios a eles vinculados, transforma-se na base de sustentação; Tanto dos projetos cadastrados no Programa, como da integração entre alunos e professores de graduação e de pós-graduação, estendendo-se para trabalhos com a comunidade e intercâmbios institucionais.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Prof.Dr.João Lima Sant’anna Neto foi um dos primeiros participantes, com ampla exposição sobre o Progr.de Pós-Gradução em Geografia, juntamente com o Prof.Dr.Eliseu Savério Sposito.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Entre 1971 e 2013, o Progr.de Pós-Graduação em Geografia foi bem expressivo. O Prof.Dr. Antonio Nivaldo Hespanhol, contribuiu com excelente atuação e desenvolvimento de pesquisas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Atuação marcante também da Profª.Drª.Maria Encarnação Beltrão Spósito, que nesta programação especial, participou de todas as atividades (incluindo trabalho de campo), dia 13/Março.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Geografia da FCT/Unesp vai comemorar 28 anos do desenvolvimento da Pós-Graduação. A Profª.Drª.Rosângela Aparecida de Medeiros Hespanhol, tem atuação destacada e merece louvores.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Prof.Dr.Antonio Thomaz Junior está sempre presente. Desta vez com a apresentação dos projetos de pesquisa da linha:”Dinâmicas Agrárias, Políticas Públicas e Desenvolvimento Regional”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Alunos de Pós-Graduação em Geografia acompanharam a programação desenvolvida entre 10 e 13/Março e foram contemplados com o testemunho de dois especialistas: Profs.Drs:Bernardo Mançano Fernandes e Eliseu Savério Sposito.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A disciplina: “Organização do Trabalho Científico I e II” foi desenvolvida com o enfoque de vários temas, trabalho de campo e apresentação de projetos de pesquisa. Participação do Prof.Dr.João Osvaldo Rodrigues Nunes, dentre outros.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 16

Na 1ª quinzena de Março deste ano foram desenvolvidas pelo Programa de Graduação em Fisioterapia e Matemática Aplicada e Computacional da FCT/Unesp, quatro defesas públicas de dissertação de Mestrado. Duas delas no Anfiteatro VII, nos dias 7 e 10/ Março; uma no Anfiteatro III no dia 06 e a quarta, no dia 07/Março no Anfiteatro II.

A primeira defesa de dissertação de Mestrado desenvolveu-se no dia 06/Março no Anfiteatro III (14hs) pela candidata Bruna Spolador de Alencar Silva/Programa de Fisioterapia, tendo como Orientadora a Profª.Drª.Ercy Mara Cipulo Ramos, do Departamento de Fisioterapia da FCT/Unesp. Integrando a Comissão Examinadora, os docentes: Dra.Francis Lopes Pacagnelli, da Universidade do Oeste Paulista/Unoeste e Dr. Luis Alberto Gobbo, do Departamento de Educação Física da FCT/Unesp.

Tema referente dissertação de Mestrado, defendida pela candidata Ana Paula Coelho Figueira Freire: “Efeitos do tabagismo passivo no transporte mucociliar e no sistema nervoso autônomo em adultos”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A candidata do Programa de Fisioterapia, Ana Paula Coelho Figueira Freire fez sua defesa pública de dissertação de Mestrado na FCT/Unesp, tendo como Orientadora a Profª.Drª. Ercy Mara Cipulo Ramos.

Também no dia 06/Março, reuniu-se no Anfiteatro II (9hs), a Comissão Examinadora para avaliar o trabalho desenvolvido pela candidata Bruna Spolador de Alencar Silva em sua defesa de dissertação de Mestrado/Programa de Fisioterapia. A Orientadora foi a Profª.Drª.Ercy Mara Cipulo Ramos, do Departamento de Fisioterapia da FCT/Unesp. Participação dos docentes: Dr.Luis Alberto Gobbo, do Departamento de Educação Física da FCT/Unesp e Drª. Francis Lopes Pacagnelli, da Universidade do Oeste Paulista/Unoeste.

Tema da dissertação de Mestrado/Fisioterapia: “Avaliação da força, estresse muscular e marcadores inflamatórios de indivíduos com doença pulmonar obstrutiva crônica submetidos a treinamento resistido com tubos elásticos”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A candidata Bruna Spolador de Alencar Silva, do Programa de Fisioterapia da FCT/Unesp fez sua defesa de dissertação de Mestrado, tendo como Orientadora a Profª.Drª. Ercy Mara Cipulo Ramos.

No dia 07/Março, a Comissão Examinadora reuniu-se no Anfiteatro VII (14hs), para uma avaliação do trabalho produzido pela candidata Heloísa Lopes de Sousa, em sua defesa pública de dissertação de Mestrado/Programa de Matemática Aplicada e Computacional. O Orientador foi o Prof.Dr.Marcos Tadeu de Oliveira Pimenta, do Departamento de Matemática e Computação, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp, Presidente Prudente-SP.

Como parte integrante da Comissão Examinadora, os docentes: Dr. Messias Meneguette Junior, do Departamento de Matemática e Computação da FCT/Unesp e Drª. Michele de Oliveira Alves, do Departamento de Matemática da Universidade Estadual de Londrina/UEL-PR. Tema da dissertação de Mestrado: “Um estudo sobre a equação de Schrödinger Biharmônica”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A candidata Heloísa Lopes de Sousa defendeu dissertação de Mestrado/Matemática Aplicada e Computacional na FCT/Unesp, tendo como Orientador o Prof.Dr.Marcos Tadeu de Oliveira Pimenta.

A quarta e última dissertação de Mestrado/Programa de Matemática Aplicada e Computacional, aconteceu dia 10/Março no Anfiteatro 7 (14hs). O candidato Adriano Sueke Takata fez sua defesa pública perante a Comissão Examinadora, tendo como Orientador, o Prof.Dr.Messias Meneguette Junior, do Departamento de Matemática e Computação da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Campus de Presidente Prudente.

Atuaram ainda como membros integrantes da Comissão Examinadora, os docentes: Drª. Gilcilene Sanchez de Paulo, do Departamento de Matemática e Computação da FCT/Unesp e Dr. Afonso Paiva Neto, do Instituto de Ciências Matemáticas e Computação da Universidade de São Paulo/USP. Tema defendido:  “Aspectos Teórico-numéricos dos Métodos SPH e MPS”

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O candidato Adriano Sueke Takata em sua defesa de dissertação de Mestrado/Matemática Aplicada e Computacional, teve como Orientador o Prof.Dr.Messias Meneguette Junior.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 16

Nos dias 06 e 11 de Março/2015 a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp –Câmpus de Presidente Prudente – registrou a defesa de duas teses de Doutorado ref.Programas de Pós-Graduação em Educação e Ciências Cartográficas, defendidas publicamente pelos candidatos Simone Conceição Pereira Deak e Luiz Henrique da Silva Rotta, respectivamente. Atuaram como Orientadores, os Profs.Drs.Alberto Albuquerque Gomes, do Departamento de Educação da FCT/Unesp e Nilton Nobuhiro Imai, do Departamento de Cartografia da FCT/Unesp.

Além dos Orientadores, atuaram como integrantes das duas Comissões Examinadoras, os seguintes docentes: Dra.Leny Rodrigues M.Teixeira; Dra.Yoshie Ussami Ferraria Leite, do Departº de Educação, ambas da FCT/Unesp; Dr.Antonio Geraldo Magalhães Gomes Pires, da Universidade Estadual de Londrina/UEL e Dr.José Cerchi Fusari, da Universidade de São Paulo/USP. E mais: Dr.Antonio Maria Garcia Tommaselli,do Departº de Cartografia da FCT/Unesp; Draª. Lígia Flávia Antunes Batista, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Dr.Deepak Ranjan Mishra, do Departº de Geografia, da Universidade da Georgia/EUA e Dr.Arcilan Trevenzoli Assireu, do Inst.de Recursos Naturais da Universidade Federal de Itajubá/MG.

1ª tese de Doutorado – Programa de Educação – O tema desenvolvido foi: “Formação De Professores centrada na Escola: A ação dos Gestores faz a diferença? – Por Simone Conceição Pereira Deak. A tese seguinte – ref.Programa de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas – defendida por Luiz Henrique da Silva Rotta: “Estimation of submerged Aquatic Vegetation Height and distribution in Nova Avanhandava Reservoir (São Paulo State, Brazil) using bioptical modeling”. A defesa pública dessas teses ocorreram no Anfiteatro I e na Sala de Apresentação de Projetos do Departamento de Cartografia, respectivamente.

As duas teses em resumo

Optamos pela “pesquisa qualitativa” na modalidade estudo de caso, desenvolvendo-se em uma escola da Rede Municipal de Ensino de Presidente Prudente – acentuou a candidata Simone Conceição Pereira Deak. Procedimentos adotados: análise documental; observação dos momentos de formação centrada na escola; entrevistas com Gestoras e Professoras e para a escolha da escola, elegemos critérios internos e externos. Como estratégia de fundamentação teórico-metodológica, resgatamos o conceito de formação – disse Simone.

E na seqüência: Os resultados apontam que no caso dessa escola, a continuidade dos gestores – apesar da rotatividade dos professores – garantiu um processo de formação mais qualitativo, pois a experiência das gestoras fez com encontrassem formas de ajuste à formação dos professores, de conformidade com a realidade atual.

A 2ª tese de Doutorado/Ciências Cartográficas, defendida por Luiz Henrique da Silva Rotta destaca inicialmente: “Modelos semi-analíticos vem sendo desenvolvidos para remover a influência da coluna da água, e com isso, recuperar a resposta do substrato em corpos águas, com o intuito de estudar alvos submersos. Porém, a maioria desses m modelos foram elaborados para águas oceânicas e costeiras”…

Os objetivos do trabalho foram: avaliar a disponibilidade de radiação subaquática na coluna de água e total concentração de sólidos suspensos (TSS) no Reservatório de Nova Avanhandava para analisar a sua influência no desenvolvimento da VAS ( Vegetação Aquática Submersa); recuperar a resposta do substrato e gerar modelos bio-ópticos para estimular a altura e posição da vegetação aquática submersa no Reservatório…

Assim, pela complexidade em se estudar alvos submersos em águas interiores, os resultados trouxeram contribuições relevantes. Finalmente – frisa Luiz Henrique da Silva Rotta – observou-se que estudos sobre a disponibilidade de radiação subaquática por meio de atenuação vertical da radiação na coluna de água, pode ajudar a compreender o comportamento da VAZ em reservatórios tropicais e, portanto, contribuir para sua gestão – finalizou.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O candidato Luiz Henrique da Silva Rotta defendeu tese de Doutorado/Ciências Cartográficas, na Sala de Apresentação de Projetos do Departº de Engenharia Cartográfica da FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Inúmeros colegas do Programa de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas foram prestigiá-lo em sua defesa de tese de Doutorado, tendo como Orientador o Prof.Dr.Nilton Nobuhiro Imai.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Anfiteatro I da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp, a candidata Simone Conceição Pereira Deak fez sua defesa pública de tese de Doutorado/Programa de Pós-Graduação em Educação.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
“Formação de Professores centrada na Escola: A ação dos Gestores faz a diferença?” – foi o tema desenvolvido para a defesa de tese, tendo como Orientador, o Prof.Dr.Alberto Albuquerque Gomes, da FCT/Unesp.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 12

O curso de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas da FCT/UNESP promoveu na 1ª semana de Março – entre os dias 05 e 06 – sua aula inaugural a partir das 14hs, especialmente para apresentação de projetos com a participação de 35 alunos e coordenação do Prof.Dr.Paulo de Oliveira Camargo. Na 2ª parte, apresentação da “Plataforma Sucupira”, com os docentes: Mariana Dias Chaves, João Fernando Custódio da Silva, Mariana Pereira do Rego e Edmur Azevedo Pugliesi, que desenvolveram ampla exposição sobre Sistema de Informações georreferenciadas de segurança viária: uma contribuição para o estudo e pesquisa de acidentes viários, bem como representação da toponimia de vias em sistemas de guia de rota em automóvel.

No 2º dia, foi cumprida uma programação mais extensa, começando às 9hs da manhã e encerrando-se somente no final da tarde de 06/Março. A apresentação desses projetos envolveu na parte da manhã: Gabriela Takahashi Miyoshi, Daniel Arana, Mariane Marselhe Ribeiro Bernardo, Bruno Vani, Fernanda Magri Torres e Marcus Vinicius Antunes de Moraes. Orientação dos Profs.Drs.: Nilton Nobuhiro Imai, Paulo de Oliveira Camargo, Enner Herenio de Alcântara, João Francisco Galera Monico, Fernanda Magri Torres e Antonio Maria Garcia Tommaselli.

Titulos dos Projetos apresentados: Caracterização espectral de dosséis da vegetação representativa de um estágio sucessional de mata atlântica de interior baseada em imagens multiespectrais de sensor embarcado em VANT; Modelo Geoidal Híbrido para o Estado de São Paulo; Análise do potencial do sensor OLI (Operational Land Imager), a bordo do Landsat-8 para estimativas de concentração de sólidos totaias em suspensão no reservatório de Barra Bonita; Investigações sobre Modelagem, Predição e Mitigação de Cintilação Ionosférica na Região Brasileira; Avaliação de um Sistema de Varredura a LASER embarcado em VANT; Monitoramento e Avaliação de Processos Erosivos Marginais em Resrvatórios de Usinas Hidrelétricas por meio de varredura a Laser.

No 2º e último período de apresentação de projetos na tarde de 06/Março, atuação de André Cáceres Carrilho; Samara Calçado de Azevedo; Mayara Ortega; Stela Rosa Amaral Gonçalves; Carlos Rodrigo Tanajura Caldeira e Nemer Ricardo Amaral Ferreira. Orientadores: Prof.Dr.Maurício Galo; Prof.Dr.Erivaldo Antonio da Silva; Profª.Drª.Daniele Barroca Marra Alves; Prof.Dr.Nilton Nobuhiro Imai e Prof.Dr.João Carlos Chaves.

Projetos apresentados: Aplicação de técnicas de processamento e análise de imagens para detecção de edificaççoes e vegetação a partir de dados LIDAR; Detecção automática de sombras e remoção dos seus efeitos em iagens digitais de alta resolução espacial; Análise do impacto do efeito ionosférico e cintilaççao ionosférica no posicionamento baeada em redes em períodos de alta e baixa atividadee; Extração de informação sobre carbono orgânico dissolvido colorido nso rsrvatórios de |Nova Avanhandava e Barra Bonita por meio de modelagem inversa aplicada a dados de reflectância de sensoriamento remoto; Deteção de mudanças no entorno de resrvatórios a partir de série temporal de imagens orbitais e Estudo das oscilações no sinal de um ETR para fns de monitoramento de estruturas.

Um dos cursos mais avançados, no Brasil e no Mundo

O curso de Ciências Cartográfica da FCT/UNESP tem cotação máxima para sua identificação. É único no Estado de São Paulo, um dos poucos do Brasil e referência internacional como um dos melhores cursos do mundo. As atividades práticas são desenvolvidas no decorrer das disciplinas e parte dessas atividades são realizadas em campo, com levantamentos topográficos e geodésicos onde o processamento dos dados coletados em campo são executados na “Central de Laboratórios do Departamento de Cartografia”. As práticas decorrentes de disciplinas das Áreas de Cartografia e Fotogrametria são realizadas no laboratório, já citado.

A Engenharia Cartográfica é a área da Engenharia que se ocupa da aquisição, processamento, representação e análise da geo-informação, nas formas analógica e digital. Assim, o Engenheiro Cartógrafo é um especialista em planejamento, organização, especificação, projeto, orientação, direção e fiscalização das diversas modalidades de levantamentos, do processamento e interpretação dos dados coletados, bem como da representação e reprodução de documentos cartográficos. Neste sentido, o Curso de Engenharia Cartográfica da FCT/UNESP visa formar profissionais conscientes e aptos a desempenharem suas atividades com qualidade, nas funções de:

  • Planejamento – Definição dos dados a serem coletados e dos recursos e métodos necessários para se atingir os objetivos do mapeamento;
  • Coleta de Dados – Levantamentos geodésicos (posicionamento preciso da região a ser mapeada), topográficos (detalhamento e apoio de campo), batimétricos (determinação do relevo submerso), fotogramétricos (utilização de fotos terrestres, aéreas e espaciais) e por sensoriamento remoto (emprego de dados e imagens obtidas através de sensores);
  • Processamento e Interpretação de Dados – Realização de cálculos matemáticos, modelagem numérica, restituição analógica e digital, classificação de dados multiespectrais; interpretação de fotos e imagens; modelagem de dados geográficos;
  • Representação e Reprodução Cartográfica – Representar nas formas visuais/analógicas ou digitais as informações geográficas, com base nos dados coletados;
  • Análise de Informação – Integrar equipes interdisciplinares em processos de análise ambiental; apoio ao processo de tomada de decisão em planejamento urbano e rural; gerenciamento dos recursos, bens e serviços de forma racional, eficiente e transparente.

Assim, o profissional formado em Engenharia Cartográfica pela FCT/UNESP deverá ter uma formação generalista, humanista, crítica e reflexiva, com capacidade de absorver e desenvolver novas tecnologias, estimulando a sua atuação crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, considerando seus aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, com visão ética e humanística, em atendimento às demandas da sociedade.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Na Sala de Apresentação de Projetos do Departamento de Cartografia da FCT/UNESP, realizou-se a aula inaugural/2015, sob a coordenação do Prof.Dr.Paulo de Oliveira Camargo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O curso de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas conta atualmente com 35 estudantes. Todos eles vieram prestigiar a realização deste 1º evento cultural e científico, que é único no Estado São Paulo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Com a somatória de esforços desenvolvidos pelos docentes do Departamento de Cartografia, assim como Coordenadores e Apresentadores, o resultado alcançado foi altamente positivo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Ingressantes e Veteranos demonstraram no final do evento, estar satisfeitos com o que foi apresentado e demonstrado em termos de atividades da Seção de Pós-Graduação, neste novo ano de 2015.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 08

A 1ª semana de Março foi de total empolgação entre os participantes dos XVIII Jogos Interclasses – Regiões do Brasil – no Bloco II da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp –Câmpus de Presidente Prudente – SP. De 2 a 6 de Março foram realizadas inúmeras competições de Futsal, Volei, Basquete, Handbol, Vôlei de areia, Atletismo, Mascote, Show de Talentos e Provas relâmpago.

Quatro equipes se habilitaram ao Troféu, conquistado pela representação do Centro-Oeste, como Prêmio instituído pelos organizadores, sob a coordenação do Prof.Dr.Diego Giuliano Destro Christófaro e cooperação dos alunos do 2º matutino. Durante a realização dos Jogos Interclasses, aumentou consideravelmente o número de visitantes nos locais onde as competições se desenvolveram.

A organização e realização desse evento esportivo (Interclasses) ocorre no início do ano letivo, com um valioso troféu para os vencedores – juntamente com uma premiação de 300 reais em dinheiro para a equipe vitoriosa. A premiação foi destinada à Equipe Centro-Oeste (alunos do 4º ano), após renhida disputa com três outras antagonistas: Sul, Norte e Nordeste. Os jogos têm como finalidade, a integração das equipes participantes, no caso, os próprios alunos do curso de Educação Física da FCT/Unesp.

Os Jogos Interclasses que são realizados em Presidente Prudente, tem por principal finalidade motivar e promover a interação entre os alunos do curso de Educação Física. E isso se verifica através de um torneio tradicional, a fim de desenvolver competências relacionadas com a prática sócio-esportiva, contemplando atividades lúdico-recreativa, artísticas e sociais. Em média, existe importante cooperação de voluntários, especialmente dos alunos de Educação Física, em número de 120.

Clique para ampliar!
.

Clique para ampliar!
.

Clique para ampliar!
.

Clique para ampliar!
.

Clique para ampliar!
.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 07

Com a presença de todos os inscritos para este novo ano letivo – em número de trezentos – realizou-se na noite de 2ª feira (02/Março), a Aula inaugural do Cursinho Ideal/2015. Para a formação da mesa, foi convidada a Assessora Administrativa II, Marisa Bozette Mazini, que na oportunidade representou a Diretoria da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Campus de Presidente Prudente . O evento solene e cultural realizou-se no Auditório/Discente V e todas as aulas no decorrer do período serão ministradas no Núcleo Morumbi/Unesp, que é coordenado pelo Servidor Administrativo, Jessé Gonçalves de Aguiar.

Para conduzir os trabalhos perante os novos alunos e alguns familiares que os acompanharam, marcaram presença os Coordenadores: Alan Albuquerque, Fernando Simões de Souza, Eduardo Chagas dos Santos e Iago Santos Souza. Na Aula Inaugural, foram esclarecidos todos os aspectos que envolvem o “Cursinho”, já em pleno funcionamento no Núcleo Morumbi/Unesp (à Rua Cyro Bueno, 40), que conta com quatro turmas em dois períodos: Tarde e Noite. No 2º semestre haverá incorporação de uma nova turma, com a previsão de abertura de outras 150 vagas.

A Aula inaugural foi das mais movimentadas, com a participação de Monitores, Alunos e Voluntários. Dentre os quais, Saulo Ferreira Ocanha, Marcos Antonio de Castro Rocha, Isabela da Silva Ultramari, Alisson Rodrigues Santori, Alessandra Fagundes da Silva, Mauro Pereira Sartorelli, Roberto Silva Souza, Ariane Baradel, Guilherme Afonso de Campos Avanzi, Airton Germano Bispo Junior, Lucas Fabiano Barbosa, Marcelo Lopes, Daniel Alves Itame e Thomé Atalla.

Para os novos estudantes, ficou bem claro que a Coordenação é responsável pelo funcionamento do Cursinho, de maneira geral, zelando por Monitores e Alunos. Da mesma forma, os Monitores são aqueles que ministram as aulas e também tiram dúvidas de alunos, em horários alternativos. O curso é ministrado para 300 alunos, divididos em 4 turmas: 2 no período vespertino 1 e 2 – das 14 às 18h20 e Noturno 1 c 2, das 19 às 22h30.

Outras exigências: o uso do Uniforme é obrigatório. Os alunos respondem aos Monitores e Coordenadores; e todos eles devem zelar pela estrutura, funcionamento e bom nome do “Cursinho Ideal”. É importante estar atento para o horário de início e término das aulas. Todos os alunos terão acesso a conteúdo didático gratuito. Nele encontrarão teoria e exercícios.

Além das aulas, o Ideal promove diversas atividades extracurriculares, buscando o fortalecimento dos laços entre os alunos, a promoção de um ambiente saudável e a aplicação prática dos conhecimentos. Importante: Alunos com faltas recorrentes, poderão ser desligados do Cursinho. Caso o aluno precise se desligar por qualquer razão, comunicar previamente à Coordenação.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Os novos alunos do Cursinho Ideal tiveram sua aula inaugural no Auditório/Discente V, com a presença de Coordenadores e Monitores.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
As novas turmas inscritas para as aulas no Núcleo Morumbi/Unesp são divididas em 4 grupos nos períodos: Vespertino e Noturno.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Coordenadores, Monitores e alunos tiveram um diálogo dos mais agradáveis, sendo esclarecidos todos os aspectos relativos ao cursinho.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Toda e qualquer dúvida, foi esclarecida em público. Aos novos alunos: É importante estar atento ao horário de início término das aulas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No final da aula inaugural, uma foto para a história: Coordenadores, Monitores e Alunos, juntamente com a representante da Diretoria da FCT/Unesp, Marisa Bozette Mazini.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 04

Reunindo docentes, amigos, colegas, convidados e representante da Diretoria da FCT/Unesp, (na pessoa da docente Roselene Modolo Regueiro Lorençoni), realizou-se no Auditório/Disc.V a cerimônia de colação de grau da 1ª Turma de Residentes em Fisioterapia, do Programa Nacional de Bolsas para Residência Profissional em Saúde, pelos Ministérios da Saúde e da Educação. Contemplando ações de atendimento, em 2013 houve aprovação de 11 bolsas para a formação de Fisioterapeutas para atuar no Sistema Único de Saúde (SUS), no sentido de prepará-los para a realidade brasileira. O Programa foi desenvolvido em dois anos, sendo 80% das atividades práticas e 20% teóricas, tendo como parceira, a Secretaria Municipal de Saúde de Presidente Prudente, que compartilha da proposta na construção do conhecimento a partir da prática desenvolvida por modelo e diretrizes do SUS, estudos e pesquisas, num movimento entre Prática-Teoria-Prática, com caráter indagativo, reflexivo e crítico.

O cerimonial conduzido por Valmir Cesar Lanza Caldeira, da Seção Técnica/STAEPE chamou para a composição da mesa os seguintes convidados: Profª.Drª.Eliane Ferrari Chagas,Coordenadora do Programa em Residência em Fisioterapia; Profª.Drª.Susimary Aparecida Trevizan Padulla e Profª.Drª.Edna Maria do Carmo, do Conselho Local de Residência;Profª.Drª. Roselene Modolo Regueiro Lorençoni, Chefe do Departamento de Fisioterapia; Prof.Dr.Augusto Cesinando de Carvalho – Vice-Chefe e Coordenador do CEAFIR ; Fisioterapeuta Monica Shizue Matsubara Mendes, Coordenadora da Fisioterapia da Secretaria Municipal de Saúde e Responsável pela Gerência Administrativa do Centro de Reabilitação e Fisioterapia – CF Everest – representando o Secretario Municipal de Saúde, Dr. Sérgio Luiz Cordeiro de Andrade.

Formada a mesa, foram chamados para o recebimento dos Certificados, todos os componentes da Turma constituída de 11 Formandos com o grau de Residentes em Fisioterapia pela FCT/Unesp – Edição 2013/2015, a saber: Aline Fernanda B.Bernardo; Fernanda Contri Messali; Giovanna Altero Arévalo; Juliana Rosini da Silva; Lara Nery Peixoto; Layane Lopes Napoleão; Rayza Fabiane Fell; Simone Feltrin Scarin; Stephanie Nogueira Linares; Vanessa Tiemi Haro e Viviane de Freitas Cardoso. A primeira Oradora anunciada pelo Cerimonial, foi a Profª.Drª.Roselene Modolo Regueiro Lorençoni, representando o Diretor, Prof.Dr.Marcelo Messias.

Em seu discurso, a Professora Roselene parabenizou a Coordenação do Programa na pessoa da Profª.Drª.Eliane Ferrari Chagas pela iniciativa de implantar e coordenar sem medir esforços, o Programa em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Presidente Prudente e o Ministério da Saúde. Ressaltou a participação da Profª.Drª.Ana Lúcia de Jesus Almeida que proporcionou o inicio desse processo. Citou nominalmente: o Prof.Dr.Renilton José Pizzol; Prof.Jayme Netto Jr; Profª.Drª.Suzimary Trevizan Padulla e Profª.Drª.Edna Maria do Carmo, que se empenharam para auxiliar na implantação e andamento do Programa.

Por fim, parabenizou também os Professores do Departamento de Fisioterapia que atuam como Tutores e Orientadores, bem como os Fisioterapeutas da Secretaria Municipal de Saúde, como Preceptores. Em nome da direção da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, todos os alunos, por mais essa conquista em mais uma etapa de vida acadêmica, que sem sombra de dúvidas, proporcionará pleno sucesso na carreira profissional. O orador seguinte, foi o Prof.Dr.Augusto Cesinando de Carvalho, que falou como representante do Departamento de Fisioterapia da FCT/Unesp, ressaltando dentre outras considerações que “este é um momento para se comemorar, porque os munícipes têm o prazer de receber essa estrutura, que só a Unesp tem potencial tecnológico para lhes oferecer”. O Professor Doutor Augusto Cesinando assegurou que a área de saúde tem sido benéfica à comunidade, em todos os sentidos, prestando sempre o melhor atendimento.

Outros integrantes da mesa também se pronunciaram durante o ato solene de colação de grau da 1ª Turma de Residentes em Fisioterapia, o que representa motivo de júbilo para toda a comunidade local e regional. Afinal, é a 1ª Turma que acaba de ser formada com 11 integrantes, preparados para dar o melhor atendimento na área de Residência em Fisioterapia, na região, no Estado e no país.

Discurso da representante dos Residentes

Será que valeu a pena ? Assim, Aline Fernanda Bernardo, na condição de representante dos Residentes em Fisioterapia começou seu discurso durante ato solene, de colação de grau da 1ª Turma, no Auditório/Disc.V da FCT/Unesp. Depois de um agradecimento geral a todos os que participaram do evento, em especial aos seus pais e à Profª.Drª. Eliane Ferrari Chagas, a Lika: “Ao longo desta conquista vivemos muitas experiências, ampliamos nossos conhecimentos e nosso maior ganho, foi o amadurecimento pessoal e profissional. Aprendemos a conviver, a não desistir de lutar, a superar e a surpreender. Valeu a pena, meninas? Valeram os dias de angústia, de cansaço, de medo, de tédio e exaustão?

Valeu cada momento vivido na loucura e correria em busca dos locais de atendimento ou a casa de pacientes no fim do mundo? Valeu a pena desbravar Prudente de ônibus, de van ou por muitas vezes a pé, embaixo do sol de 40°? Valeu a pena escutar: Agora você tá rica com a bolsa da residência, heim? Valeu a pena cada aula, cada folder, cada orientação à pacientes ou aos alunos do 4º ano, reuniões e as dores de cabeça do nosso ÚNICO churrasco? Valeu a pena ter nosso trabalho reconhecido pelos pacientes, seus familiares e funcionários da secretaria municipal? Valeu cada sorriso, cada muito obrigada. Valeu por ouvir: mais você já vai embora? Não vai não, fia. Eu tô bem melhor agora?

Sim meninas…valeu a pena, valeram as 5760h vividas nesse programa…pelo simples fato de que hoje o município de Presidente Prudente e o departamento de Fisioterapia da FCT sabe que as residentes são diferentes, pois nós a 1ª Turma de Residência em Fisioterapia, fomos diferentes e fizemos diferentes, e dessa maneira, mostramos a importância desse programa”.

E agora…finaliza a representante dos Residentes em Fisioterapia da FCT/Unesp, Aline Fernanda Bernardo: “Nossa missão foi cumprida com êxito. E é necessário seguir em frente; buscar nossos objetivos. Cada uma seguirá um caminho, com a lembrança de que fomos, a 1ª turma da Residência em Fisioterapia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp. Por isso, afirmo a vocês: sim, valeu muito a pena” !

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Auditório/Disc V da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp, realizou-se a cerimônia de colação de grau da 1ª Turma de Residentes em Fisioterapia. Foi um acontecimento inédito!

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
– No total, são 11 formandos pela FCT/Unesp. A Residência Profissional em Fisioterapia faz parte do Programa Nacional de bolsas, aprovado pelos Ministérios da Saúde e da Educação.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Profª.Drª.Roselene Modolo Regueiro Lorençoni, Chefe do Departº de Fisioterapia representou o Prof.Dr.Marcelo Messias. E a Residente em Fisioterapia, Aline Fernanda Bernardo fala em nome dos formandos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Chegou o momento mais esperado, onde cada um dos formandos recebe o seu Certificado que oficialmente o qualifica como Residente em Fisioterapia. É a 1ª turma do Estado de São Paulo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Seguem-se as manifestações de alegria e entusiasmo pela conquista do titulo tão esperado. Foram dois anos de luta e sacrifício com dificuldades, porém, um trabalho dos mais dignificantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Cada Residente está devidamente preparado para enfrentar desafios, vivenciando experiências nas áreas de atuação, na Fisioterapia Preventiva ou Terapêutica nas UBS ou no CEAFIR.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Aqui, tudo é festa para comemorar um acontecimento auspicioso: Residência em Fisioterapia, a nova modalidade de serviço de saúde para a qual, 11 especialistas se prepararam.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Professores Doutores do Departamento de Fisioterapia recebem flores e se confraternizam com a nova turma de Residentes em Fisioterapia pela FCT/Unesp. Pela 1ª vez nesta região e no Estado

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

mar 04

Em cerimônia realizada na manhã de 2ª feira, dia 02/março no Auditório/Discente V da FCT/UNESP, realizou-se a Colação de Grau dos Graduandos em Fisioterapia. O ato solene foi presidido pelo Prof.Dr.Marcelo Messias, diretor da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP, Campus de Presidente Prudente. para a formação da mesa, foram convidados:
A Professora Doutora Roselene Modolo Regueiro Lorençoni, Chefe do Departamento de Fisioterapia; o Professor Doutor Augusto Cesinando de Carvalho, Paraninfo dos Graduandos e o Professor Doutor Renilton José Pizzol, Coordenador do Curso de Fisioterapia.

Anunciada a entrada dos Graduandos do Curso de Fisioterapia, o cerimonial conduzido pelo sr. Valmir César Lanza Caldeira, da Seção Técnica/STAEPE, passou a palavra ao Professor Marcelo Messias, que presidiu a abertura da Solenidade, dedicada exclusivamente à Colação de Grau dos Graduandos em número de 27 alunos, correspondente ao Curso de Fisioterapia do ano 2014 da FCT/UNESP – Câmpus De Presidente Prudente/SP. O pronunciamento seguinte foi atribuído ao paraninfo da Turma de Graduandos, Professor Doutor Augusto Cesinando De Carvalho.

Com a presença de todos os formandos, seguiu-se o ato de juramento, conduzido pela acadêmica Érika Dourado De Souza.
Graduandos de pé, com o braço direito estendido à frente, para o juramento. Cada formando – após a chamada nominal pelo presidente da cerimônia, Prof.Dr.Marcelo Messias – apresentou-se, estendendo a mão direita à frente para proceder a leitura do juramento com palavras bem pausadas. “procederemos neste momento à chamada nominal dos Graduandos do Curso de Fisioterapia, ‘para o ato de Colação de Grau – disse o Professor Marcelo Messias.

Na Sequência, a Chamada dos Graduandos pelo Diretor da FCT/UNESP. O Presidente (Professor Marcelo), colocou a borla sobre a cabeça de cada concluinte dizendo: “Eu, Professor Doutor Marcelo Messias, Diretor da Faculdade De Ciências e Tecnologia, Campus De Presidente Prudente da Unesp, no uso das prerrogativas conferidas pelo Estatuto da Universidade Estadual Paulista “JULIO DE MESQUITA FILHO”, Confiro-lhe o Grau de “Fisioterapeuta”.

 

OS NOVOS GRADUANDOS EM FISIOTERAPIA/2014
—————————————–

  1. Ana Beatriz Salvatori Machado
  2. Bruno Massayuki Makimoto Monteiro
  3. Daniela Alari Chedid
  4. Douglas Kenhiti Ozono
  5. Érika Dourado De Souza
  6. Fabiana Araujo Silva
  7. Flávia Cristina Recchia
  8. Gezilaine Rodrigues Torres
  9. Guilherme Henrique Dalaqua Grande
  10. Isabela Penteado Novaes
  11. Ivan Baltieri Momesso
  12. Karina Cristina Fernandes
  13. Laís Manata Vanzella
  14. Laís Regina Rossi
  15. Larissa Borba André
  16. Larissa Cavichioli Mendes Ferreira
  17. Larissa Rodrigues Souto
  18. Mariana Belon Previatto
  19. Mileide Cristina Stoco De Oliveira
  20. Nicole Silva Pedrosa
  21. Pamella Souza Nascimento Oliveira
  22. Paula Takeuti
  23. Sofia Pagoto Salles
  24. Taíse Mendes Biral
  25. Tamara Dos Santos Gouveia
  26. Thaís Delgado Volpe
  27. Thalisi Mayumi Hisamatsu

ENTREGA DO DIPLOMA DE MÉRITO.
—————————–

A Faculdade de Ciências e Tecnologia – Campus de Presidente Prudente – Da Universidade Estadual Paulista, tradicionalmente outorga o diploma de mérito acadêmico aos concluintes que obtiveram melhor desempenho no decorrer do curso. Por este motivo, foi anunciada a entrega do diploma à graduanda de maior desempenho entre os alunos da turma do curso de Fisioterapia/2014. A escolhida para receber essa honraria foi a Fisioterapeuta Tamara do Santos Gouveia.

No encerramento da cerimônia de Colação de Grau, o pronunciamento do Diretor, Professor Doutor Marcelo Messias. E logo após, ele declara encerrada a sessão solene de Colação de Grau, no Anfiteatro do Discente v da FCT/UNESP.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A cerimônia de colação de grau do curso de Graduação em Fisioterapia da FCT/UNESP, realizou-se na manhã de 02/Março e foi presidida pelo Prof.Dr.Marcelo Messias.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Os formandos dessa nova turma de graduandos em Fisioterapia foram representados por 27 alunos, aqui divididos em dois grupos para a tomada de duas fotos históricas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Para o Ato de Juramento, todas as atenções estiveram voltadas para a Acadêmica Erika Dourado de Souza; e cada formando se apresentou ao Presidente do ato solene.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Chamados pelo Cerimonial, os 27 formandos tiveram a borla sobre suas cabeças. Foi um ato significativo e tradicional, exercido pelo Professor Doutor Marcelo Messias, no uso das prerrogativas que lhe foram conferidas pelo Estatuto da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, para conferir o grau de Fisioterapeuta.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

fev 27

A Seção Técnica de Pós-Graduação da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Campus de Presidente Prudente /SP – registrou no decorrer dos meses de Janeiro e Fevereiro de 2015, nada menos que 20 dissertações de Mestrado e 7 teses de Doutorado defendidas publicamente. Os temas foram os mais diversificados e envolveram estudantes, orientadores e docentes previamente designados para compor as Comissões Examinadoras que se reuniram em sua maior parte no Anfiteatro II da FCT/Unesp.

As teses de Doutorado foram defendidas pelos candidatos: dia 13/Janº: Reinaldo José de Souza (Programa de Pós-Gradução em Geografia), tendo como Orientador o Prof.Dr.Messias Modesto dos Passos. Tema:”Raia divisória ou raia socioambiental? Uma (re) definição baseada na análise da paisagem, através do Sistema GTP”. No dia 21/Janº: Sérgio Pereira de Souza (Programa de Pós-Graduação em Geografia), tendo como Orientadora a Profª.Drª.Rosângela Aparecida de Medeiros Hespanhol. Tema: “Políticas públicas e desenvolvimento territorial: o Programa de Territórios da Cidadania no Estado de São Paulo”.

No dia 02/Fevº, apresentou-se perante a Comissão Examinadora, o candidato Jean Italo de Araujo Cabrera, para sua defesa de tese de Doutorado (Programa de Pós-Graduação em Geografia), tendo como Orientadora a Profª.Drª. Ruth Künzli. Tema:”O espaço ocupado pelo homem pré-histórico no Oeste Paulista: o caso do Sitio Arqueológico Lagoa São Paulo – 02”. No dia 04/Fevº: Andreia Nunes Militão defendeu tese de Doutorado (Programa de Pós-Graduação em Educação), tendo a Profª.Drª.Yoshie Ussami Ferrari Leite, como Orientadora. Tema:”A complexidade da administração/gestão escolar em sua dimensão pedagógica: limites e possibilidades”.

Na continuidade dos trabalhos desenvolvidos na FCT/Unesp, outras sessões de defesa pública de teses de Doutorado/Geografia, por Aline Weber Sulzbacher (dia 06/Fevº), sob orientação do Prof.Dr.Antonio Nivaldo Hespanhol. Tema:”Política, Território, Poder e Agroindustrialização em Assentamentos de Reforma Agrária no Rio Grande do Sul”. No dia 12/Fevº apresentou-se à Banca Examinadora, o candidato Allaim Wilham Silva de Oliveira, do Programa de Pós-Graduação em Geografia, tendo o Prof.Dr.Antonio Nivaldo Hespanhol, como seu Orientador. Tema escolhido:”Inovação social e sua relação nas políticas públicas”.

Finalmente, no dia 23/Fevº foi desenvolvida mais uma defesa de tese de Doutorado/Programa de Pós-Graduação em Geografia, pela candidata Sandra Medina Benini. A Orientadora foi a Profª.Drª.Encarnita Salas Martn e o tema defendido: “Infraestrutura verde como prática sustentável para subsidiar a elaboração de planos de drenagem urbana: um estudo de caso da cidade de Tupã/SP”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Perante a Comissão Examinadora, a candidata Sandra Medina Benini do Programa de Pós-Graduação em Geografia defendeu tese de Doutorado no Anfiteatro II, dia 23/Fevº.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A tese defendida publicamente teve a orientação da Profª.Drª. Encarnita Salas Martin, do Departamento de Planejamento, Urbanismo e Meio Ambiente, da FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A tese de Doutorado/Geografia, defendida pelo candidato Jean Italo de Araujo Cabrera noAnfiteatro II da FCT/Unesp, realizou-se no dia 02/Fevº, sendo uma das primeiras do ano.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Para desenvolver sua tese nesta defesa pública, o candidato ao Doutorado/recebeu total orientação da Profª.Drª. Ruth Künzli, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

fev 27

Para marcar a abertura do ano de 2015 na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – o curso de Pós-Graduação em Fisioterapia promoveu sua aula inaugural na última terça-feira, dia 24 de Fevereiro no Anfiteatro 2. O Anfiteatro ficou superlotado. Foi um trabalho desenvolvido sob a coordenação do Professor Doutor Carlos Marcelo Pastre, da FCT/Unesp; e reuniu grande número de estudantes, bem como docentes de Fisioterapia e Educação Física. Da nova turma do curso de Pós-Graduação compareceram 12 alunos, além de dezenas de veteranos.

Especialmente convidada, a Profª.Drª.Tânia de Fátima Salvini, da UFSCar -Universidade Federal de São Carlos – se fez presente, representando como docente da Fisioterapia, toda a Diretoria da FAPESP. Ao ministrar a aula inaugural (que durou cerca de duas horas), a docente desenvolveu o tema: “Desafios para a pesquisa no Brasil e implicações para a área de Fisioterapia”. O encontro foi aberto especialmente para alunos e professores da FCT/Unesp e teve como público principal os Departamentos de Fisioterapia e Educação Física.

Tal iniciativa faz parte das estratégias para a consolidação do Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia, A palestra desenvolvida com ampla abordagem sobre os desafios da pesquisa em Fisioterapia (sob a ótica da FAPESP), traçou um panorama dos investimentos e produção de impacto para a área do mundo, do país e do Estado de São Paulo.

A Professora Tânia de Fátima Salvini foi questionada por vários estudantes de Pós-Graduação. E respondeu a todas as questões técnicas sobre o processo de avaliação pela Agência de Fomento (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), sobre expectativa dos financiadores, a respeito das demandas a serem encaminhadas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Representando a Diretoria da FAPESP, a Profª.Drª.Tânia de Fátima Salvini (UFSCar), ministrou a 1ª aula de Pós-Graduação/2015 em Fisioterapia, na FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Além de estudantes de Pós-Graduação (novos e veteranos), também houve participação na aula-inaugural de docentes dos cursos de Fisioterapia e Educação Física.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Após concluir sua palestra, a Professora Tânia foi questionada por vários alunos de Pós-Graduação em Fisioterapia e Educação Física. Coordenação do Prof.Dr.Carlos Marcelo Pastre.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP