dez 09

Como é tradição nos meios universitários, foram instituídas premiações especiais como forma de incentivo e reconhecimento às atividades culturais e científicas desenvolvidas no País. Na região de Presidente Prudente o destaque é para o 7º PRÊMIO CIENTÍFICO UNOESTE – Universidade do Oeste Paulista, concebido para incentivar as pesquisas científicas desde 2012. O Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão – ENEPE – existe há alguns anos e envolve graduandos, pós-graduandos, profissionais e docentes das mais variadas áreas do conhecimento e o Prêmio Científico Unoeste é uma das muitas iniciativas que fazem parte do ENEPE, bem como a apresentação de trabalhos científicos que não concorrem ao prêmio e a publicação dos trabalhos científicos apresentados em periódicos da Universidade, com classificação Qualis B3, entre outras iniciativas.

Neste ano, alunos da UNESP tiveram uma participação destacada tanto no ENEPE como no 7º Prêmio Científico Unoeste. O prêmio foi concebido para incentivar a divulgação das pesquisas científicas, realizadas por graduandos, graduados e pós-graduados de instituições de ensino superior e está dividido em 4 grandes áreas do conhecimento, a) Ciências Agrárias, b) Ciências Exatas e Engenharias, c) Ciências Humanas e Sociais Aplicadas e d) Ciências Biológicas e da Saúde. Para cada uma dessas duas áreas há premiação em duas categorias: uma para alunos graduandos ou recém graduados e outra para alunos pós-graduandos ou recém pós-graduados. Assim, são concedidos prêmios para oito diferentes modalidades, envolvendo a combinação área de conhecimento/grau da formação.

A participação de alunos da FCT/UNESP no 7º Prêmio Científico Unoeste foi bastante destacada, obtendo o primeiro lugar em três diferentes modalidades, conforme se segue:

1° lugar na Área de Ciências Humanas e Sociais (graduação), com o trabalho O lúdico e a interpretação na teoria Winnicottiana: análise das relações recíprocas contidas no livro o brincar e a realidade, de Joyce Garbosa de Azevedo, orientada pelo Prof. Dr. Fabio Camargo Bandeira Villela;

1° lugar na Área de Ciências Humanas e Sociais (pós-graduação), com o trabalho Educação e autismo: modelo metodológico para avaliação e a adaptação de games, de Gisele Silva Araújo, orientada pelo Prof. Dr. Manoel Osmar Seabra Júnior;

1° lugar na Área de Ciências Exatas e Engenharias (graduação), com o trabalho Estudo das propriedades fotoeletroquímicas do poli(azo-bismarckbrown R) obtido por eletropolimerização para sensibilização de células solares, que teve como autor principal Jessica Crivelaro Pacheco, acompanhada de André Olean Oliveira e Diego Noé David Parra e orientação do Prof. Dr. Marcos F. S. Teixeira.

Os Prêmios de 1° lugar concedidos na área de Ciências Humanas e Sociais – tanto para aluno de graduação, como para aluno de pós-graduação – foram concedidos a alunos da FCT da área de Educação e na área de exatas foi contemplado alunos do curso de Química.

A UNESP também obteve 2° lugar na Área de Ciências Humanas e Sociais (pós-graduação), com o trabalho Possibilidade de formação continuada para professores do ensino fundamental, de autoria principal de Izabella Alvarenga Silva e seus professores Prof. Dr. Raul Aragão Martins e Profa. Dra. Luciana Aparecida Nogueira da Cruz.

A aluna Joyce Garbosa de Azevedo e seu orientador Prof. Dr. Fabio Camargo Bandeira Villela foram entrevistados pelo jornalista Altino Correia para a matéria deste Blog, conforme se segue.

Joyce vibrou de contentamento com o resultado. Seu orientador, o Professor Fabio, que é docente do Departamento de Educação, reconheceu os méritos e a grande capacidade de sua orientanda. Joyce é aluna do 3º ano do curso de graduação em Pedagogia na Unesp e o trabalho que lhe rendeu a premiação (1º lugar) na área de Ciências Humanas e Sociais leva o título de “O lúdico e a interpretação na teoria winnicottiana: análise das relações recíprocas contidas no livro O brincar e a realidade”.

O que diz o Orientador ?

O Professor Fabio Camargo Bandeira Villela nos contou que “o evento no qual os autores foram premiados, ocorre desde 1981 e tem contado com um grande número de trabalhos inscritos. Neste ano, foram submetidos 1844, sendo: 1648 comunicações orais e 196 posters. O ENEPE apresenta uma grande relevância para a comunidade acadêmica em geral. Tanto pela oportunidade de apresentação oral dos trabalhos, como pelo fato de que os trabalhos apresentados no evento, são publicados pela Revista ColloquiumHumanarum – Qualis B3 – ou outra Revista da série Colloquium, conforme a área de trabalho”.

O Professor Fábio – disse ainda – que o Prêmio Científico UNOESTE seleciona dentre os trabalhos inscritos para o Prêmiode cada modalidade (área de conhecimento e grau de formação) os três melhores, que seguem para a segunda fase do Prêmio, que serão julgados pela qualidade da apresentação, a ser realizada pelo aluno e principal autor do trabalho. A apresentação é realizada em modalidade oral e conta com o parecer de três avaliadores, que, segundo critérios específicos, julgam a classificação final dos três trabalhos selecionados.

De conformidade com a opinião da graduanda Joyce, a premiação dos trabalhos tem por principal finalidade incentivar a pesquisa na Universidade, enriquecendo também o currículo e favorecendo futuros projetos. “A pesquisa auxilia no processo de crescimento acadêmico, enriquecendo e potencializando essa vivência”.

Importância para a formação do aluno

O Prof. Fábio Camargo Bandeira Villela, destaca a importância do ENEPE para a formação do aluno, tanto no momento de produção como do trabalho escrito – de sua apresentação oral – como pela repercussão na vida acadêmica do aluno, com a publicação de seu trabalho científico em periódico científico indexado. Destaca que essas contribuições à formação do jovem pesquisador são ainda mais relevantes e intensasse o trabalho foi inscrito e selecionado para concorrer ao Prêmio Científico. Ele destaca ainda que “o ENEPE é um evento científico consagrado, de âmbito nacional e cuja abrangência e repercussão extrapola os limites da Região do Oeste Paulista. Sem deixar de ser uma excelente oportunidade para o intercâmbio, Entre: pesquisadores e Universidades da região”. Considera que o CIC da UNESP teria muito a ganhar se voltasse a exigir artigo científico completo e tivesse apresentações orais em sua primeira fase – etapa local – em que todos os alunos inscritos concorrem.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Joyce Garbosa de Azevedo, aluna do 3º ano do curso de graduação em Pedagogia da FCT/Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – conquistou brilhantemente o 1º lugar no 7º Prêmio Cientifico Unoeste/2018.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Prof.Dr.Fábio Camargo Bandeira Villela, docente do Deptº de Educação da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp, foi o Orientador que recebeu a premiação juntamente com a Orientanda.

Clique para ampliar!
Aluna do curso de Pedagogia e seu Professor celebraram festivamente essa premiação. Foi uma conquista espetacular, festejada pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” e Universidade do Oeste Paulista/UNOESTE.

Como é tradição nos meios universitários, foram instituídas premiações especiais como forma de incentivo e reconhecimento às atividades culturais e científicas desenvolvidas no País. Na região de Presidente Prudente o destaque é para o 7º PRÊMIO CIENTÍFICO UNOESTE – Universidade do Oeste Paulista, concebido para incentivar as pesquisas científicas desde 2012. O Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão – ENEPE – existe há alguns anos e envolve graduandos, pós-graduandos, profissionais e docentes das mais variadas áreas do conhecimento e o Prêmio Científico Unoeste é uma das muitas iniciativas que fazem parte do ENEPE, bem como a  apresentação de trabalhos científicos que não concorrem ao prêmio e a publicação dos trabalhos científicos apresentados em periódicos da Universidade, com classificação Qualis B3, entre outras iniciativas.Neste ano, alunos da UNESP tiveram uma participação destacada tanto no ENEPE como no 7º Prêmio Científico Unoeste. O prêmio foi concebido para incentivar a divulgação das pesquisas científicas, realizadas por graduandos, graduados e pós-graduados de instituições de ensino superiore está dividido em 4 grandes áreas do conhecimento, a) Ciências Agrárias, b) Ciências Exatas e Engenharias, c) Ciências Humanas e Sociais Aplicadas e d) Ciências Biológicas e da Saúde. Para cada uma dessas duas áreas há premiação em duas categorias: uma para alunos graduandos ou recém graduados e outra para alunos pós-graduandos ou recém pós-graduados. Assim, são concedidos prêmios para oito diferentes modalidades, envolvendo a combinação área de conhecimento/grau da formação.A participação de alunos da FCT/UNESP no 7º Prêmio Científico Unoestefoi bastante destacada, obtendo o primeiro lugar em três diferentes modalidades, conforme se segue:1° lugar na Área de Ciências Humanas e Sociais (graduação), com o trabalho O lúdico e a interpretação na teoria Winnicottiana: análise das relações recíprocas contidas no livro o brincar e a realidade, deJoyce Garbosa de Azevedo, orientada pelo Prof. Dr. Fabio Camargo Bandeira Villela;1° lugar na Área de Ciências Humanas e Sociais (pós-graduação), com o trabalho Educação e autismo: modelo metodológico para avaliação e a adaptação de games, de Gisele Silva Araújo, orientada pelo Prof. Dr. Manoel Osmar Seabra Júnior;1° lugar na Área de Ciências Exatas e Engenharias (graduação), com o trabalho Estudo das propriedades fotoeletroquímicas do poli(azo-bismarckbrown R) obtido por eletropolimerização para sensibilização de células solares, que teve como autor principalJessica Crivelaro Pacheco, acompanhada de André Olean Oliveira e Diego Noé David Parra e orientação do Prof. Dr. Marcos F. S. Teixeira.Os Prêmios de 1° lugar concedidos na área de Ciências Humanas e Sociais – tanto para aluno de graduação, como para aluno de pós-graduação – foram concedidos a alunos da FCT da área de Educação e na área de exatas foi contemplado alunos do curso de Química.A UNESP também obteve 2° lugar na Área de Ciências Humanas e Sociais (pós-graduação), com o trabalho Possibilidade de formação continuada para professores do ensino fundamental, de autoria principal de Izabella Alvarenga Silva e seus professores Prof. Dr. Raul Aragão Martins e Profa. Dra. Luciana Aparecida Nogueira da Cruz.A aluna Joyce Garbosa de Azevedo  e seu orientador Prof. Dr. Fabio Camargo Bandeira Villela foram entrevistados pelo jornalista Altino Correia para a matéria deste Blog, conforme se segue.Joyce vibrou de contentamento com o resultado. Seu orientador, o Professor Fabio, que é docente do Departamento de Educação, reconheceu os méritos e a grande capacidade de sua orientanda.  Joyce é aluna do 3º ano do curso de graduação em Pedagogia na Unesp e o trabalho que lhe rendeu a premiação (1º lugar) na área de Ciências Humanas e Sociais leva o título de “O lúdico e a interpretação na teoria winnicottiana: análise das relações recíprocas contidas no livro O brincar e a realidade”.
O que diz o Orientador ?O Professor Fabio Camargo Bandeira Villela nos contou que “o evento no qual os autores foram premiados, ocorre desde 1981 e tem contado com um grande número de trabalhos inscritos. Neste ano, foram submetidos 1844, sendo: 1648 comunicações orais e 196 posters. O ENEPE apresenta uma grande relevância para a comunidade acadêmica em geral. Tanto pela oportunidade de apresentação oral dos trabalhos, como pelo fato de que os trabalhos apresentados no evento, são publicados pela Revista ColloquiumHumanarum – Qualis B3 – ou outra Revista da série Colloquium, conforme a área de trabalho”.O Professor Fábio – disse ainda – que o Prêmio Científico UNOESTE seleciona dentre os trabalhos inscritos para o Prêmiode cada  modalidade (área de conhecimento e grau de formação) os três melhores, que seguem para a segunda fase do Prêmio, que serão julgados pela qualidade da apresentação, a ser realizada pelo aluno e principal autor do trabalho. A apresentação é realizada em modalidade oral e conta com o parecer de três avaliadores, que, segundo critérios específicos, julgam a classificação final dos três trabalhos selecionados.De conformidade com a opinião da graduanda Joyce, a premiação dos trabalhos tem por principal finalidade incentivar a pesquisa na Universidade, enriquecendo também o currículo e favorecendo futuros projetos. “A pesquisa auxilia no processo de crescimento acadêmico, enriquecendo e potencializando essa vivência”. Importância para a formação do alunoO Prof. Fábio Camargo Bandeira Villela, destaca a importância do ENEPE para a formação do aluno, tanto no momento de produção como do trabalho escrito – de sua apresentação oral – como pela repercussão na vida acadêmica do aluno, com a publicação de seu trabalho científico em periódico científico indexado.  Destaca que essas contribuições à formação do jovem pesquisador são ainda mais relevantes e intensasse o trabalho foi inscrito e selecionado para concorrer ao Prêmio Científico. Ele destaca ainda que “o ENEPE é um evento científico consagrado, de âmbito nacional e cuja abrangência e repercussão extrapola os limites da Região do Oeste Paulista. Sem deixar de ser uma excelente oportunidade para o intercâmbio, Entre: pesquisadores e Universidades da região”. Considera que o CIC da UNESP teria muito a ganhar se voltasse a exigir artigo científico completo e tivesse apresentações orais em sua primeira fase – etapa local – em que todos os alunos inscritos concorrem.

 

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

nov 02

De 23 a 27 de Outubro na FCT/Unesp, realizou-se a XVIII Semana Nacional do Livro e da Biblioteca que teve na sua abertura, solenidade especial que contou com a presença do Diretor, Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia, do Vice-Diretor, Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job, Professores, Estudantes e convidados. Teresa Raquel Vanalli, falando como Diretora da Biblioteca disse que o avanço tecnológico e as novas formas de relações sociais estão mudando rapidamente os moldes de aprendizagem.

Progressivamente, novas ferramentas são criadas e utilizadas no meio acadêmico. Por isso – acentuou a Diretora da Biblioteca – é necessário ver a Universidade como produtora de conhecimentos, além de seu espaço físico, para acompanhar de maneira dinâmica as transformações do seu papel. Da mesma forma, a Biblioteca como serviço público de informação e cultura nos dias atuais, tem tomado proporções e usos diferentes. Dos quais, sugerem as diretrizes iniciais de sua concepção, necessitando – de cada vez – mais flexibilidade de uso de seu espaço.

No encerramento do ano 2018, foi incluído no evento um debate sobre: A função da Biblioteca no contexto da Universidade, promovendo a aproximação da comunidade com todos os seus serviços e produtos que a Biblioteca pode oferecer, tendo como objetivo principal, promover a criatividade, a integração e a produção de conhecimentos de forma transdisciplinar. Com isso, recriando um espaço cultural vivo para todos os dias do ano, habituando a população a frequentar e utilizar os serviços oferecidos.

Programação diversificada

Na Abertura da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, houve exibição de vide (especialmente produzido) sob o título: “O que eu vivi da Unesp”, seguido de roda de conversa no Salão de Estudos. No período da tarde – Hora do conto/Cellij e Palestra (O processo criativo na visão do Artista Plástico “Cacosta” e na Oficina de filmagem e edição de vídeos com Smartphones e Software livre, com André Aoki.

No dia 24 de Outubro – Oficina de contação de histórias com CELLIJ (na sala de projeção). Fatos e Fotos e Literatura de Cordel, com Exposição de Renato de Jesus Burarama (“Saci Pererê contra Raloim”). A seguir: minicurso com a Profª.Drª.Arlete Meneguette e Oficina de Origami, com Alessandra Kuba. No dia 25,- Oficina Xchoolgames com IPTCHI; Hora do Conto – Cellij e Oficina de elaboração de Currículo Lattes, com Michel Oshima. Na Cinemoteca, exibição do filme: ”A sociedade literária e a torta de cascas de batata”.

No dia 26 de Outubro, a programação foi desenvolvida desde as 9hs da manhã, até o final da tarde, com Oficina de Libras, com Cláudia Spindola; Palco Livre – Show de Talentos e Oficina e Circo, com o Grupo “Os Mamachas”, na Quadra da Biblioteca. No Sábado (27/Outº), a programação se desenvolveu com Oficina Musical de Jazz e Blues, sob a coordenação do Prof.Dr.Marcelo Martins. Para finalizar: Shows de Jazz e Bateria Furiosa, na Praça da Biblioteca.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A XVIII Semana Nacional do Livro e da Biblioteca na FCT/Unesp, mereceu destaque especial este ano, com o desenvolvimento de uma extensa programação.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A solenidade de abertura da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca foi prestigiada com a presença do Diretor e do Vice-Diretor, Profs.Drs.Rogério Eduardo Garcia e Aldo Eloyzo Job.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Maravilhosas obras de arte fizeram parte do Painel de Apresentação da XVIII Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Pela 1ª vez, a Literatura de Cordel também fez parte da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, com trabalhos de autoria de Renato de Jesus Burarama. Entre eles: “Saci Pererê contra Raloim”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Bateria “Furiosa” que ganhou projeção e prestígio no meio universitário de toda a região, animou a festa de encerramento no Sábado, dia 27 de Outubro.

 

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

nov 02

Presidente Prudente sediou no dia 25 de Outubro no Teatro Paulo Roberto Lisboa/Centro Cultural Matarazzo, um dos mais importantes eventos do ano: o II Seminário Internacional de Ergonomia da Atividade – Questões de Saúde e Segurança do Trabalho. No ato de Abertura pela manhã, vários pronunciamentos com destaque especial para as Professoras Doutoras: Iracimara de Anchieta Messias, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp e Adelaide Nascimento, representando a CNAM/Paris – França. Em seguida realizou-se a 1ª mesa redonda, com enfoque nas doenças e Acidentes do trabalho: Olhares cruzados Brasil-França.

De acordo com a programação oficialmente elaborada, foram desenvolvidas outras palestras, com abordagem voltada para as questões de saúde e segurança do trabalho. O Prof.Dr. Yannic Lémonie – do CNAM/Paris – França falou sobre a prevenção de LER/DORT em Ergonomia da Atividade: da variabilidade e diversidade gestual à organização do trabalho. Na palestra seguinte, o Prof.Dr.Rodolfo Vilela, da FSP/USP enfocou os Acidentes do Trabalho: da análise sócio técnica à construção social de mudanças.

Finalizando as atividades do período matinal, foi convidado a fazer uso da palavra o Prof.Dr.José Marçal Jackson Filho, da FUNDACENRO que destacou a expansão do objeto da investigação e análise de acidentes do trabalho: A experiência do Centro Estadual de Saúde do Trabalhador do Paraná. Como parte da programação especialmente realizada no Centro Cultural Matarazzo, foi aberto espaço para perguntas e respostas, com debate entre a plateia e palestrantes.

Novas palestras e mesa redonda

No período da tarde do dia 25/Outº, os trabalhos foram reabertos às 13h30 e prosseguiram até o final do dia, com mesa redonda, evidenciando o outro lado do Agronegócio. Especialmente: conflitos com Agrotóxicos e a NR-36. Em seguida, assumiu a palavra o Prof.Dr.Alain Garrigou, da Universidade de Bordeaux-França, falando sobre a Avaliação das exposições aos pesticidas: um objeto de diálogo e de confrontação entre as diferentes abordagens disciplinares de prevenção dos riscos profissionais.

Com referência ao Pontal do Paranapanema, a Profª.Drª. Iracimara de Anchieta Messias (NEPErg/FCT/UNESP), fez amplo relato. Com destaque para os cenários da exposição à agrotóxicos, provocados com a dupla exposição de camponeses, assentados na área territorial de Teodoro Sampaio/SP. Na última palestra, desenvolvida no Teatro Paulo Roberto Lisboa, a Profª.Drª.Iracimara ressaltou a rotação de postos em Frigorífico, através de uma abordagem participativa: dimensões técnicas e sociais da intervenção ergonômica. Ela foi questionada por participantes, através de perguntas e debates, respondendo a todas às indagações, como palestrante. Na conclusão das atividades desse importante Seminário de âmbito Internacional, houve pronunciamentos da Coordenadora do evento e também dos palestrantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Presidente Prudente sediou no dia 25/Outº, um dos mais importantes eventos da atualidade: o II Seminário Internacional de Ergonomia da Atividade.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Teatro Paulo Roberto Lisboa/Centro Cultural Matarazzo se desenvolveu toda a programação alusiva ao evento, considerado um dos maios significativos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Profª.Drª. Iracimara Anchieta Messias, coordenou o evento que contou com a participação de renomados conferencistas e de uma platéia superior a 400 participantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
o Prof.Dr.Yannick Lémonie – do CNAM/Paris-França – foi O primeira palestrante a se pronunciar. Ele falou sobre AC Prevenção de LER/DORT em Ergonomia da Atividade

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Acidentes de trabalho: da análise sócio-técnica à construção social de mudanças, foi o tema desenvolvido pelo Prof.Dr.Rodolfo Vilela(FSP/USP). O assunto despertou interesse.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Na etapa final, concluindo as atividades, palestra pela Profª.Drª.Iracima Anchieta Messias (NEPErg/FCT/ UNESP), juntamente com a Profª. Drª. Adelaide Nascimento.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

out 31

A Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – promoveu no Anfiteatro I, uma série de eventos ligados diretamente à Geografia: V Seminário Nacional de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia; XIX Semana de Geografia e XIV Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia. Destaque para o tema Neoliberalismo e Geopolítica na America Latina. Ao todo, aproximadamente 500 participantes.

A programação foi aberta com o credenciamento e atividades culturais no período da tarde do dia 22 de Outubro. À noite: Conferência de Abertura sob a coordenação do Prof.Dr.Nécio Turra Neto. Conferencista convidada: Profª.Drª. Ângela Massumi Katuta, da Universidade Federal do Paraná/UFPR. Nos dias seguintes: Espaços de debates; minicursos e oficinas culturais. Mesas redondas nos dias: 23, 24, 25 e 26. Roda de conversa e conferência de encerramento no dia 26 de Outubro sob a coordenação da Profª.Drª. Maria Encarnação Beltrão Esposito, tendo como convidado o Prof.Dr.André Roberto Martin (da USP).

Na Roda de Conversa (dia 26/Outº) período da tarde: Desafios e Perspectivas para o Profissional em Geografia, sob a coordenação do Prof.Dr.Nécio Turra Neto, da FCT/Unesp; Empresa Geoambiental Jr, Gláucia Rosa (Diretoria de Ensino); Marcos Gomes (APROGEO) e Eliane Mazini, do ITESP.

As mesas redondas (quatro no total) versaram sobre: 1) – Questão ambiental – terra e trabalho – com a Doutoranda Lorenza Izá Pereira, da FCT/Unesp; Prof.Dr.Paulo César Rocha, da FCT/Unesp e Mestrando Luzimar Barreto de França Jr, da Unoeste.2) – Atual crise econômica e política: efeitos e perspectivas no Brasil e América Latina, com os Profs.Drs.: Maria Terezinha S.Gomes, da FCT/Unesp, Antonio Marques Roseira, da UFABC, Eduardo Donizete Girotto, da USP e Everaldo Santos Melazzo, da FCT/Unesp. 3) – Geopolítica da América Latina: diálogos e aproximações. Participantes: Profª.Drª.Maria Glória Fabregat Rodrigues, da Universidade de Havana/Cuba, Dr. Robinzon Piñeros Lizarazo, da FCT/Unesp e Doutoranda Editha Lisbet Julca Gonza, da FCT/Unesp.

Na última mesa redonda – na manhã do dia 26 – Coletivos da FCT, sob a coordenação do Prof.Dr.Nécio Turra Neto, com enfoque no levante popular da juventude, Coletivo Mãos Negras; L.U.T.A. e Grupo Somos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Anfiteatro I da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp/Pres.Prudente, realizou-se uma série de eventos no dia 21 de Outubro.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Na noite de Abertura, as boas-vindas aos participantes em nome da coordenação da Semana da Geografia, que envolveu três eventos significativos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Anfiteatro I da FCT/Unesp esteve superlotado durante todas as noites, desde a conferência de Abertura até as mesas redondas, aqui desenvolvidas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Profª.Drª.Ângela Massumi Katuta, da Universidade Federal do Paraná/UFPR foi a 1ª conferencista que se pronunciou como convida especial.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No encerramento da Semana da Geografia, duas homenagens especiais: Para Sras: Eva e Maria Lúcia Campos de Castro (Assessora Administrativa do Deptº de Geografia).

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Eva pediu a palavra e expressou seus agradecimentos pela homenagem que recebeu juntamente com a Sra. Maria Lúcia. Ambas foram contempladas com flores.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A Profª.Drª.Maria Encarnação Beltrão Sposito – na condição de Coordenadora – anunciou a conferência de encerramento ref. 2018, pelo Prof.Dr.André Roberto Martin, da Universidade de São Paulo –USP.

NA SEMANA GEO/2018: Trabalhos aprovados para publicação na GEOATOS

Ao concluir a Semana da Geografia, representada pelo V Seminário Nacional de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia; XIX Semana de Geografia e XIV Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia – Neoliberalismo e Geopolítica na América Latina, a Coordenação dos eventos apresentou relatório especificando os trabalhos aprovados para publicação na GEOATOS, conforme segue: Dinâmicas naturais e questões ambientais: Parâmetros para priorização de estradas rurais não pavimentadas no município de Ouro Verde/SP – Paulo Sergio Martin, André Gonçalves Vieira e Maria Moura Andrade.

Estudo observacional da nebulosidade e de parâmetros de umidade do ar em Presidente Prudente/SP – Jéssica Ribeiro do Carmo Santos e Antonio Jaschke Machado.

Espaço rural – questão agrária e relação cidade-campo: Os números dos assassinatos indígenas Guarani-Kaiowá em Mato Grosso do Sul – Lara Dalperio Buscioli. A implementação de Políticas Públicas, voltadas ao meio rural no Estado de São Paulo – Bruna Trevisan Negri.

Teoria e Prática – O trabalho, a saúde e a Geografia: Migração de trabalhadores jornaleiros agrícolas para o capital nos Estados de Oaxaca, Chiapas e Guerreiro – Fredi dos Santos Bento. Principais Projetos de Lei, em trâmite na Câmara dos Deputados e no Senado Federal sobre Agrotóxicos – Rosana Abbud Olivete. Terceirização das Relações de Trabalho na FCT/Unesp: as mulheres como elo da/na flexibilização constante das formas de trabalho – Lucas Souza Silva; Victor Hugo Quissi Cordeiro da Silva e Renata Menezes da Silva.

Geografia, questões étnico raciais e de gênero. A escola e o racismo: uma análise das condições do ensino da questão étnico facial brasileira nas escolas públicas do município de Presidente Prudente – SP. Fabiano Ferreira Martins, Mariana Stuani do Nascimento e Silas Eduardo Teodoro.

Região e cidade: Desenvolvimento e Urbanização: A história oral como uma proposta metodológica para a reconstrução de fragmentos da memória de uma cidade – Mariana Aparecida Gazolla. Um estudo das Transferências Constitucionais Legais recebidas pelo município de Presidente Prudente –SP – Ana Clara Ananias de Santana.

Educação em Geografia: diálogo docente e ensino na escola. Ensino da Geografia e prática docente interdisciplinar : um diálogo entre a Geografia e a Psicologia – Nicole Mieko Takada Moretti e Cassiano Ricardo Rumin. A Geografia em uma perspectiva inclusiva. Trabalhando o conceito de paisagem em um estudo de caso com uma estudante com Síndrome de Down – Tamires Aparecida Souza Silva e Ana Mayra Samuel da Silva.

Neoliberalismo, Geopolítica e América Latina. O comércio exterior na região oeste paulista: uma breve análise a partir dos BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) – Taina Akemy Chiaveri Iwata e Maria Terezinha Serafim Gomes.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

out 29

As tradicionais Caminhadas e Corridas da Saúde da Unesp – com trajeto de 4 e 8 km respectivamente – reuniu mais de 500 participantes. A maioria se inscreveu com antecedência, mas os retardatários que não tiveram tempo suficiente, participaram das competições da mesma forma. Porém, sem fazer jus ao recebimento de Troféus e Medalhas. O evento realizou no dia 21 de Outubro/Domingo pela manhã, com largada e chegada no Bloco III da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Câmpus de Presidente Prudente.

O Vice-Diretor, Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job e a Coordenadora Geral do evento, Profª.Drª. Giovana Rampazzo Teixeira, recepcionaram os participantes da Caminhada e Corrida da Unesp. Dando apoio e total cobertura, inclusive na entrega de todos os troféus realizada num palanque especialmente montado em meio ao gramado do Ginásio de Esportes. Tudo foi relatado pelo comunicador Luciano Reis, da Rádio 98FM que animou a festa de ponta a ponta, atuando como cerimonialista.

Detalhes importantes

Os mais importantes detalhes dizem respeito à participação do público em plena manhã de Domingo, com a presença de autoridades e convidados, além de grande número de participantes de outras regiões de São Paulo e Estados vizinhos. Mesmo com as inscrições encerradas, foi liberada a participação de todos os interessados na caminhada dos 4 km. Ou mesmo na Corrida de 4 e 8 km (em todas as faixas etárias), sem concorrer a troféus.

Referência especial ao Atleta mais idoso: Sr.Nelson Hasegawa, atualmente com 94 anos de idade e uma disposição de fazer inveja aos jovens dos dias atuais. Ele vem participando ativamente das últimas caminhadas, tendo sempre a presença da esposa (também idosa), que o acompanhou mais uma vez (inclusive ambos ocupando o Pódium) pela classificação na liderança de sua faixa etária.

Classificação geral

A largada (ao lado do Ginásio de Esportes/Bloco III) verificou-se exatamente às 9hs do dia 21/Outº). Por incrível que pareça, aos 13’52’’ chegava o 1º Atleta que venceu o percurso de 4 Km – Bruno Gabriel Santana de Oliveira – Nº 128, seguido por Leandro Alves Prates (Nº 132) que cumpriu o percurso aos 14’12’’ e em 3º lugar, David Douglas Dias dos Santos (Nº 179), com o tempo equivalente a 14’231’’. De acordo com o Relatório Feminino de 4 km: Amélia Hatsue Sato Oichi (Nº 51), classificou-se em 1º lugar, com o tempo equivalente a 19’51’’; em 2º lugar, Flávia Giacon (Nº 99), com 20’05’’ e no 3º posto, Ana Paula Lima Barbosa (Nº 148), com o tempo de 20’11’’.

Na Corrida de 8 Km – Masculino – o menor tempo foi feito por Anderson Rezende dos Santos (Nº 371), com 30’1’’, seguido por Jeferson Pinto de Assunção (Nº 372), com o tempo equivalente a 30’37’’ e em 3º lugar, Pedro Henrique Lino (Nº 374), que cumpriu o percurso com 30’41’’. No Relatório Geral Feminino, a Atleta Silvana Souza (Nº 356), liderou a competição realizando o percurso de 8 km com o tempo de 36’45’’. A 2ª classificação geral foi para a Atleta Franciele Cordeiro (Nº 437), com o tempo de 40’48’’ e em 3º lugar classificou-se a Atleta Erika Cristina Costenaro (Nº 376), com o tempo de 40’50’’.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Pelo terceiro ano consecutivo realizou-se em Presidente Prudente a Caminhada e Corrida da Saúde (da Unesp). O Bloco III recepcionou centenas de participantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Centenas de Troféus permaneceram em exposição até a conclusão de cada faixa etária para premiação dos melhores competidores que participaram do evento.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Vice-Diretor da FCT/Unesp, Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job e a Coordenadora da Caminhada e da Corrida, Giovana Rampazzo aplaudem o Atleta mais idoso,Sr.Nelson Hasegawa.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Num clima alegre e festivo, os participantes dessa competição esportiva se manifesta, aplaudindo todos os atletas, onde se incluiu o mais idoso (Hasegawa), com 94 anos de idade.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O comunicador e cerimonialista Luciano Reis (da 98FM) destaca a atuação do Sr. Hasegawa, que mais uma vez participou da Caminhada, bastante cumprimentado pelo público.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Medalhas e Troféus: a melhor lembrança para os que vieram de perto ou de longe; todos eles irmanados no mesmo sentido: participar e valorizar as boas competições do esporte.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Quem veio prestigiar a 3ª Caminhada e Corrida da Saúde se mostrou satisfeito com o desempenho dos competidores e eficiência da organização do evento promovido pela FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O sucesso de mais esse evento – com apoio do PROEX – se deve à Comissão Organizadora, que teve na retaguarda, excelente contribuição de professores, estudantes, atletas e membros da comunidade.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Carinho de mãe se verifica em toda parte. Aqui, não poderia ser diferente. Após participar do evento e receber seu Troféu, a mãe divide com o filhinho os méritos dessa conquista. Com aplausos do Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job, Vice-Diretor da FCT/Unesp.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

out 03

Como vem acontecendo todos os anos, desde o dia 1º de Outubro Presidente Prudente está sediando a XVII Semana da Computação/SECOMPP-2018- que é uma realização da EJCOMP da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp. Trata-se de um evento já é considerado tradicional em nossa unidade universitária desde 2002, que à cada ano se consolida como uma referência junto à comunidade local e regional.

Para sua concretização como evento voltado às atividades acadêmicas, científicas e culturais, tem o apoio do Conselho do curso de Bacharelado em Ciência da Computação – do Deptº de Matemática e Computação – do Centro Acadêmico de Computação da Pró-Reitoria de Extensão Universitária (PROEx), da Pró-Reitoria de Graduação da Direção da FCT, além dos Docentes e Alunos do curso.

A exemplo dos eventos anteriores estão sendo oferecidos durante a 17ª Edição, minicursos e palestras que visam complementar a formação acadêmica dos alunos do curso; como também, alunos de outros cursos da área de Exatas e Tecnologia, de pós-graduação, do ensino médio e profissionais da área de Informática. Especialmente aqueles que estão atuando no mercado empresarial.
Na noite de abertura realizada no Anfiteatro I, a mesa foi formada sob a presidência do Prof.Dr. Rogério Eduardo Garcia, atual Diretor da FCT/Unesp; Prof.Dr. Danilo Medeiros Eler, Vice-Chefe do Deptº de Matemática e Computação da FCT/Unesp e atual coordenador geral da SECOMPP/2018. E mais: o Prof.Dr.Celso Olivete Junior, Coordenador do curso de Bacharelado em Ciência da Computação desta Faculdade e a Discente Giulia Campos de Oliveira, Presidente da Empresa Jr de Computação. Ela faz parte do esquema de organização e promoção do evento como colaboradora e aluna do curso de Bacharelado em Ciência da Computação.

Todos os integrantes da mesa fizeram uso da palavra, enaltecendo a importância de um evento tradicional que reuniu mais uma vez centenas de participantes. O cerimonial foi conduzido pelo ex-aluno Pedro Gomes, que anunciou para tomar assento à mesa como palestrante convidado, o Prof.Dr. Danilo Roberto Pereira, que desenvolveu o tema: Machine Learning e Data Science:Introdução, Aplicações e Tendências.

Breve currículo do palestrante

O palestrante Danilo Roberto Pereira se graduou em Ciência da Computação, na Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP – em 2006. Obteve o título de Mestre em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP em 2009 e Doutor em Ciência da Computação na UNICAMP. Concluiu o 1º Pós-Doutorado na UNESP, em 2016. O 2º Doutorado realizou-se na Universidade Federal de São Carlos/UFSCAR em 2017. Atualmente é Professor na Universidade do Oeste Paulista/UNOESTE e Diretor de Data Science na empresa americana ANALYTICS2GO.

A realização das Semanas de curso já é uma tradição na Unidade Regional de Presidente Prudente, que a cada ano se consolida como uma referência junto à comunidade. Que por sua vez, vem demonstrando maior interesse pelas atividades acadêmicas, científicas e culturais promovidas pela FCT/Unesp, prestigiando seus idealizadores com sua presença e participação.

Como nos anos anteriores, a XVII Semana da Computação /SECOMPP-2018 proporciona aos interessados, todos os dias (até 05 de Outubro), uma série de minicursos, palestras e mesas redondas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A abertura da XVII Semana da Computação/SECOMPP-2018 no dia 05/Outº foi presidida pelo Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia, Diretor da FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O 1º palestrante convidado foi o Prof.Dr.Danilo Roberto Pereira, Prof.da UNOESTE e Diretor de Data Science na ANALYTIS2GO norte americana.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O evento realizado no Anfiteatro I da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Presidente Prudente – reuniu centenas de participantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Organizadores da tradicional Semana da Computação/SECOMPP- 2018 – tiveram todo o apoio necessário para a realização do tradicional evento.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

set 05

Nos últimos dias do mês de Agosto de 2018 realizou-se na FCT/Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – SP – a XII Semana de Arquitetura e Urbanismo, sob o tema: “Brasil de Fachada?” como resposta à algumas indagações relativas à produção contemporânea. A Abertura foi presidida pelo Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia (Diretor da Faculdade) e verificou-se na manhã de 27 de Agosto no Anfiteatro I. Fazendo parte da composição da mesa, a Profª Drª. Catarina Lotufo Bueno Bartholomei (Chefe do Deptº de Planejamento, Urbanismo e Ambiente); a Profª Drª.Cristina Maria Perissinoto Baron (Vice-Coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo) e Profª.Drª.Arlete Maria Francisco (Coordenadora da XII Semana de Arquitetura e Urbanismo – curso de Arquitetura e Urbanismo) e Viviane de Brito Maior (Coordenadora e representante do Centro Acadêmico do curso de Arquitetura e Urbanismo-CACAU).

Concluída a 1ª parte do cerimonial com o canto do Hino Nacional Brasileiro e pronunciamentos dos membros da mesa diretora, foi iniciada a programação oficial, sendo convidados para conduzir os trabalhos os docentes: Profª Drª Arlete Maria Francisco; Profª Drª Kátia Kodama; Prof.Dr.Márcio Catelan e Profª Drª. Paula Vermeersch que proferiu a 1ª palestra. Ela é Doutora em Teoria e História Literária pela UNICAMP; Mestre em Historia de Arte e Cultura; Mestre em Sociologia; Bacharel e Licenciada em Sociologia e Antropologia pela UNICAMP. Fez pós-doutoramento em História da Arte e da Arquitetura.

No período da tarde do mesmo dia (27) apresentou-se como convidada a Profª Drª. Terezinha Gonzaga, que possui graduação e Doutorado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo. Atualmente é docente da UNIFEV – Centro Universitário de Votuporanga/SP; Coordenadora de projeto da União de Mulheres de São Paulo.

Na sequência da programação oficial foram desenvolvidas além das palestras, oficinas teórico-práticas (fotografia, aquarela, software voltados à Arquitetura, técnicas construtivas sustentáveis), além de uma lojinha para venda de adesivos, caderninhos, camisetas e canecas como brindes). No primeiro ato para o credenciamento, o participante inscrito recebeu um crachá para identificação – diz apresentador Antonio Pedro. Todas as palestras foram proferidas no Anfiteatro I, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp – Presidente Prudente. No período noturno, palestra proferida pela Profª.Drª.Paula Freire Santoro, Arquiteta Urbanista, Professora de Planejamento Urbano do Deptº de Projetos da FAU/USP.

A programação especialmente elaborada incluiu outras atividades, além das palestras. Como destaque especial para docentes e convidados. Entre os quais, os Profs.Drs.: Hélio Hirao, João Osvaldo Rodrigues Nunes, Cristina Baron, Sonia Gouveia, Camila Takara, Mariana Junqueira, Mariana Branco, Thamires Garcia, Amanda Rosin, Roberto Mancuzo, Flávio Dantas, Claudemilson dos Santos, Stepahnie Dover, Leandro Mendes, Júlia Tirintan, Larisa Sanches, Antonio Souza, Izabelle Zanardo, Murilo Araujo, Carolina Belondi, Carolina Tarochi, Tiago Bonfim e outros.

Arquitetura e Urbanismo em destaque

No dia 28/Agosto, a palestrante convidada foi a Profª Drª.Mariana Borel, integrante do Projeto de “Arquitetura na Periferia, uma experiência de Assessoria Técnica para grupos de mulheres”. Mariana é graduada em Arquitetura e Urbanismo, pela Universidade Federal de Minas Gerais/UFMG, Pós-graduada em Administração Pública pela PUC/Minas Gerais. Ainda no dia 28, palestra à tarde, com a Arquiteta Sônia Gouveia. Título: “FMG – Experiências”. Ela é formada em Arquitetura e Urbanismo pela USP/SP, na qual obteve o título de Mestre na área de História e Fundamentos da Arquitetura e Urbanismo com pesquisa sobre Fotografia de Arquitetura.

No período noturno, outra palestra, proferida pelo Prof.Dr.Lucas Fehr, graduado em Arquitetura e Urbanismo pela USP/SP; Mestre e Doutor em Arquitetura e Urbanismo pela mesma Universidade. Atualmente é Coordenador do curso de Arquitetura e Urbanismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie, onde é Professor e Coordenador. Titulo da palestra: “O Edifício e a cidade: Projetos desenvolvidos pelo Estúdio América de Arquitetura”.

No dia 29 de Agosto, no Anfiteatro I da FCT/Unesp, a palestrante foi a Profª.Drª.Marina Grinover, do Escritório Base Urbana e o tema desenvolvido: “Lina Bo Bardi: idéias de uma arquitetura em movimento entre passado e futuro”. Marina é graduada em Arquitetura e Urbanismo pela USP, Mestre e Doutora pela mesma Universidade; Professora convidada do Instituto de Tecnologia de Massachussetts – MIT no Center for Advanced Urbanism/CAU, além de outros títulos. Principais temas: projeto de arquitetura, história e fundamentos da arquitetura brasileira.

No dia 30/Agosto, o palestrante convidado foi o Prof.Dr.Michel Habib, do Escritório TIBÁ Arquitetos, que discorreu sobre: “Bioarquitetura – o Antigo e o Novo”. O principal objetivo da TIBÁ são os projetos socioambientais e construção ecológica, englobando todas as ecotecnologias. Em 2005, Peter Van Lengen e Verônica Flores reuniram a 1ª equipe de arquitetos, agroecologistas, geobiólogos, designer e permacultores que fundaram a empresa no Rio de Janeiro. Professor Habib é graduado pela FAAP, Bioarquiteto pelo Instituto TIBÁ e atualmente desenvolve projetos e atividades em parceria com Universidades, Institutos e Empresas.

Marcando o encerramento da XII Semana de Arquitetura e Urbanismo na FCT/Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – apresentou-se para a última palestra, a Profª.Drª. Juliana Suzuki, com graduação em Arquitetura e Urbanismo pela UEL (Universidade Estadual de Londrina), Mestre e Doutora em Arquitetura e Urbanismo, Professora Adjunta da Universidade Federal do Paraná/UFPR e Professora colaboradora de Mestrado em Metodologia do Projeto UEL/UEM. Título da palestra:”Além das fronteiras: A pesquisa em Arquitetura em cidades médias brasileiras”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A XII Semana de Arquitetura e Urbanismo promovida este ano no Câmpus Universitário da FCT/Unesp/Pres.Prudente, foi de pleno sucesso.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A abertura do evento no dia 27 de Agosto no Anfiteatro I, foi presidida pelo Diretor da FCT/Unesp, Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Após a formação da mesa diretora dos trabalhos, houve alguns pronunciamentos e iniciada oficialmente a Semana de Arquitetura e Urbanismo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Coube à Profª.Drª. Paula Vermeersch a missão de abrir o evento pronunciando a 1ª palestra. Ela é Doutora em Teoria e História Literária pela UNICAMP.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Desde a abertura no dia 27 de Agosto até o encerramento no dia 31, os trabalhos foram desenvolvidos no Anfiteatro I, com excelente participação.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Docentes e Discentes superlotaram as dependências do Anfiteatro I, participando da XII Semana de Arquitetura e Urbanismo, um evento de tradição na FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Em cada dia, uma nova palestra – sempre com a participação de convidados especiais – que atenderam o chamamento dos promotores do evento.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No encerramento da Semana de Arquitetura e Urbanismo, participação da Profª.Drª. Juliana Suzuki, com a palestra “Além das fronteiras: a pesquisa em cidades médias brasileiras”.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

ago 30

Com mais de 4 mil participantes concentrados no Centro Olímpico do Parque do Povo, realizou-se no último domingo (26 de Agosto), o 33º Festival de Pipas “Raul Albieri”/2018. Trata-se de uma promoção tradicional do Jornal O Imparcial em parceria com a FCT/Unesp – Câmpus de Presidente Prudente – SP. O evento que começou às 9hs da manhã, encerrou-se por volta das 12hs após premiação de dezenas de inscritos, envolvendo inclusive equipes participantes de cidades vizinhas.

O tema deste ano versou sobre “Patriotismo”, com destaque para inúmeros trabalhos produzidos por artesãos, evidenciando as cores Verde e Amarelo. Também não faltaram outras motivações ligadas ao esporte e lazer da população brasileira, incluindo pipas com características diferenciadas. Não faltando – como é lógico – as cores corintianas em inúmeras peças apresentadas publicamente no Centro Olímpico.

As condições do tempo foram as mais favoráveis possíveis, o que contribuiu para o êxito de mais uma promoção. No campo de futebol disponibilizado para o espetáculo público, as pipas foram testadas previamente. Até o momento em que o Comunicador Luciano Reis – incumbido das funções de cerimonialista – anunciou o início e toda a realização do Festival. As pipas em número elevado (grandes, médias e pequenas), começaram a ganhar altura, algumas alcançando mais de 200 metros; e aí começou a competição, envolvendo participantes de toda a região.

Durante todo o evento, presença e participação de Diretores e Assessores da FCT/Unesp, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Semav, Secretaria de Desenvolvimento e Planejamento Municipal, Escoteiros, Clubes de Serviços e outras entidades.

As competições vitoriosas

Crianças, jovens e adultos acompanharam o desenrolar das competições no Centro Olímpico, com os olhos voltados para o alto. Até o momento em que a competição foi declarada encerrada e anunciados os nomes dos competidores vitoriosos. O primeiro destaque foi para o Sr. Francisco Ferigrato, de Regente Feijó, que vem competindo no Festival de Pipas “Raul Albieri” nos últimos 4 anos. Para os participantes classificados foram destinados inúmeros prêmios, através da entrega de bicicletas, troféus, medalhas e valiosos brindes oferecidos pelos patrocinadores.

O tema “Patriotismo” mostrado através da criatividade das pipas, mereceu premiação especial nas modalidades: Temático, criativo e Maior. Este último representado por uma Pipa de 256 metros foi apresentado pelo participante Matheus Grilo Lourenço, de Presidente Prudente. O 2º colocado foi Antonio Mudrei Correia, de Presidente Bernardes, que inclusive já participou de Festivais anteriores. O 3º lugar da categoria “Maior” foi conferido ao participante Juliano Patrick, de Presidente Prudente.

No Temático, a 1ª classificação – “Pátria Amada” – ficou para Mariana Sahu, de Presidente Prudente; em 2º lugar, Maria Clara Serafim, de Regente Feijó e 3º lugar para Matheus Oliveira do Amaral, de Presidente Prudente. Na categoria Criativo – 1º colocado (com Dado 3D), foi Alexandre Araujo da Silva, de Presidente Prudente. O 2º lugar ficou para Carlos Alberto Marin, de Regente Feijó. Em 3º lugar foi classificado o participante, Júlio Nunes da Silva, de Presidente Prudente. As premiações foram representadas por bicicletas, troféus, e valiosos brindes oferecidos pelos patrocinadores aos três ganhadores de cada categoria. Incluindo passagens da Andorinha, troféus e kits da 98/FM e Band/FM entregues no próprio local do evento.

Clique para ampliar!
Visão geral do local onde foi realizado este ano, o 33º Festival de Pipas “Raul Albieri” no Centro Olímpico de Prudente.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Festival de Pipas foi a maior atração deste final de Agosto em Presidente Prudente, com excelente participação da comunidade.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A FCT/Unesp deu todo o apoio ao evento de O Imparcial. Aqui, o Diretor Deodato da Silva, ao lado do Juiz José Roberto Dantas Oliva do TRT.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
No Centro Olímpico do Parque do Povo em Prudente, presença do Grupo Escoteiro 186 Guayporé, coordenado por Marcelo Costilho Jorge.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A águia, representada por esta pipa ganha altura e fica acima dos Edifícios situados nos altos do Parque do Povo.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O tema “Patriotismo” figura como destaque do 33º Festival de Pipas “Raul Albieri”/2018 e aqui aparecem os 1ºs trabalhos.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
As maiores pipas do Festival deste ano, em cumprimento ao tema criado para a competição também foram exibidas ao público.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Raul Albieri foi o criador das primeiras pipas exibidas publicamente e documentadas pelo “O Imparcial”. Daí a denominação ao Festival.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Nos momentos finais do Festival de Pipas, a chamada geral para a classificação e premiação das melhores categorias.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Para premiação geral, em cumprimento ao tema “Patriotismo”, foram selecionados os melhores trabalhos produzidos este ano.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A maior pipa apresentada no 33º Festival de Pipas “Raul Albieri”, conferiu premiação especial para a maior peça inscrita em 2018.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Para as maiores e melhores pipas (com premiação especial), a entrega dos prêmios pelo Vice-Diretor da FCT/Unesp, Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

ago 16

Sob a coordenação do Prof.Dr. Raul Borges Guimarães – do Deptº de Geografia da FCT/Unesp – ao lado do Vice-Diretor, Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job – foi reeditado o Projeto “Novos Rumos” de maior abrangência. Faz parte do Programa de saúde mental como resultado de uma parceria da Seção Técnica de Saúde e outros seguimentos. Destaque especial para o Grupo de Movimento Ligare; SITRA – Saúde Integral dos Trabalhadores da Unesp; Psicoterapia: Análise Bioenergética em Grupo; Psicoterpia Individual; Grupo de Fotolinguagem; Terapia e Rede Pública/CAPS.

No Ginásio de Esportes da FCT (Bloco III), a Diretora e Coordenadora do Instituto Ligare – Centro de Psicoterapia Corporal – Marlí Bonine se fez presente e conduziu os trabalhos programados para a abertura do evento, com exercícios corporais envolvendo 140 participantes. Trata-se de uma forma de intervenção corporal em grupo que proporciona o auto conhecimento, possibilita bem estar e vitalidade, incentivando o fluxo de energia pelo corpo. O objetivo principal é trabalhar o corpo e a mente de forma sincronizada, aliviar as tensões e o nível de stress.

A Psicóloga e especialista clínica que é pioneira nessa especialidade, afirma que “uma abordagem física, aliada à analise psicodinâmica passa a ser uma poderosa ferramenta na busca de uma melhor integração psicofísica, facilitando a expressão das emoções e dos sentimentos. Além de promover o livre fluxo de energia pelo corpo e os padrões de saúde física, mental e espiritual”.

Quanto aos exercícios de respiração, bem como outros exercícios corporais, procuramos o equilíbrio. A cisão corpo/mente é comum em nossa cultura, onde somos estimulados a viver na cabeça, super desenvolvendo a função do pensamento em detrimento das “sensações corporais”. A respiração é o nosso combustível e no stress nós nos esquecemos de respirar adequadamente; e assim, vamos perdendo a conexão corpo/mente, o que nos faz adoecer.

Finalizando diz a Psicóloga Marli Bonine: “Trabalhar a ampliação da respiração bem como trabalhar com o corpo, causará desbloqueio das emoções reprimidas, permitindo uma boa circulação de energia e de fluxo sanguíneo em nosso organismo. Isso nos torna pessoas mais vibrantes e mais conectadas às nossas emoções. Portanto, menos adoecidas”.

Qualidade de vida

No Ginásio de Esportes da FCT/Unesp no dia 14 de Agosto, o programa desenvolvido que tem por principal finalidade “a qualidade de vida, prevenir saúde e agravos relacionados à comunidade unespiana”, começou às 8hs com o “Café da manhã” (gratuito). Na sequência, diferentes atividades como: Terapia (Geografia), atividades esportivas (Educação Física) e Ginástica Laboral (Fisioterapia). O Programa se estendeu até a noite com a realização de um ”Lual” no estilo junino, programado especialmente para o encerramento do evento.

Ocupando toda a área física do Ginásio de Esportes, dirigentes e estudantes se movimentaram o tempo todo sob o comando, inicialmente da Diretora e Coordenadora do Instituto LIGARE – Centro de Psicoterapia Corporal – e depois, outros participantes especialmente convidados. Tudo foi organizado para comemorar o “Dia da saúde mental”, tendo por principal objetivo divulgar para a comunidade universitária as ações de promoção, prevenção e atenção clínica de saúde mental.

Depois de uma “Roda de conversa” coordenada pelo Prof.Dr.Raul Borges Guimarães, do Deptº de Geografia da FCT/Unesp, apresentou-se o Professor Cassiano Ricardo Rumim (da UNIFAE), que desenvolveu o tema: Foto linguagem, realizado na Praça do Viveiro da Unesp. No mesmo local, “Roda de conversa” e Terapia com o Prof.Dr. Raul Borges Guimarães. Logo após, nova rodada de Coffe Break e finalizando, no período noturno o “Lual” na Praça do Viveiro, com direito a fogueira e viola.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Prof.Dr.Raul Borges Guimarães coordenou os trabalhos no Ginásio de Esportes da FCT/Unesp, ao lado do Vice-Diretor, Prof.Dr.Aldo Eloyzo Job, que presidiu a abertura do evento.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A psicóloga e especialista clínica Marli Bonine, que é Diretora da LIGARE – Centro de Psicoterapia Corporal, ministrou os exercícios que envolveram desde as primeiras horas, 140 participantes.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
A movimentação no Ginásio de Esportes – Bloco III – foi intensa e bastante diversificada, com a presença de alunos dos mais diversos cursos universitários da FCT/Unesp.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Alongamento que o corpo precisa, foi a parte mais movimentada para comemorar o “Dia da saúde mental” que registrou muita movimentação desde as primeiras horas.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Gente jovem sob o comando da Psicóloga e Especialista Clínica – corpo e mente numa só unidade – caminhando ou se movimentando de forma organizada e bem planejada.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Terminada a movimentação que envolveu centenas de participantes universitários, começam a “Roda de conversa”e Terapia, sob a coordenação do Prof.Dr.Raul Borges Guimarães.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Nessa “Roda de conversa” muita coisa foi abordada e além do Coordenador, participação de Assessoras especialmente convidadas para falar sobre o “Dia da saúde mental”.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
“Novos rumos” figura como um dos Projetos mais importantes, pois seu objetivo principal é promover a saúde e prevenir agravos relacionados à saúde mental no Câmpus da FCT/Unesp.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP

ago 12

Para comemorar o “Dia dos Pais”, a Associação dos Servidores Administradores da Unesp/ASA – Câmpus Universitário de Presidente Prudente – promoveu em sua sede um encontro de confraternização na ultima sexta-feira (dia 10 de Agosto), prestigiada por Diretores e Associados. Também presentes em solidariedade o Diretor, Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia e seus principais Assessores Técnico-Administrativos, bem como, convidados especiais.

Uma mesa coberta por salgadinhos, sanduíches e um bolo de chocolate, bem como suco de frutas, chá e café fizeram parte do evento significativo, homenageando todos os pais que integram a Associação dos Servidores Administrativos/ASA de Presidente Prudente. Foram centenas de participantes, tendo a frente o atual Diretor Presidente, Sr. Paulo Cesar Tomiasi. Também fazendo parte da atual Diretoria, a Vice-Presidente, Sra. Ângela Silvana Martinez Campos, com atuação destacada na entidade.

Decorridos 39 anos, a ASA teve como seus principais dirigentes desde a 1ª gestão cumprindo mandatos eletivos os seguintes servidores: Angela Moreira Costa, Luiz Gonçalves Rodrigues, Augustinho José Muchiutti, Natalício Severo dos Anjos, Jessé Gonçalves de Aguiar, Paulo Ricardo Tacca de Oliveira, Nilton Carlos de Almeida Coutinho, Marcos Barros de Souza, Laércio Marques Caires e Paulo Cesar Tomiasi (atual Presidente).

No quadro gestor que vigora até 2019, atuação do 1º e 2º Tesoureiros, Eloyza Akashi Shiramatu e Eliane Morikoshi; o 1º Secretário Juliane M.Sanches e 2º Secretário, André Trindade Meira. Presidente do Conselho Fiscal – com mandato vigorando desde 09/09/2017 a 08/09/20 – Sr. Carlos Cesar Memare. Membros Titulares: Adão Pedro de Oliveira e Guilherme Oliveira de Barros Ulhoa. Suplentes: Marcos Del Trejo, Flávia Olegário dos Santos Yassuda e Décio Antonio Fregonesi.

Atuando como membros do Conselho Deliberativo: Presidente – Beatriz Aparecida Conceição Dias; Vice-Presidente – Maria Shigueco Akinaga Botti e Paula Silvia Felício. Suplentes: Zoraide Ederli Aranda, Giuliana Felício e Ciro Moro da Silva.

Café Solidário

Marcado para início às 8h30, o café matinal em homenagem aos pais -organizado pela Diretoria da ASA – só aconteceu após às 9hs da manhã e durou quase duas horas. Os servidores foram chegando um a um e para surpresa de todos, estava montada uma farta mesa de salgados, suco de frutas, bolo de chocolate e sanduíches estavam a espera, prontos para serem consumidos.

O Presidente Carlos Cesar Tomiasi e servidoras que atuam na sede da ASA atenderam prontamente todos os companheiros que compareceram ao ato comemorativo. Foram momentos de integração, companheirismo, respeito e solidariedade aos pais que se integraram à Associação dos Servidores Administrativos da Unesp/ASA.

A confraternização se estendeu por um bom tempo, onde os pais foram cumprimentados e homenageados. Incluindo o Diretor da FCT/Unesp, Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia e Assessores. Para valorizar o evento comemorativo foram realizados sorteios de brindes, tendo como principais contemplados os servidores: Aurélio Prado e Anézio Cognin.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Para comemorar o “Dia dos Pais”, a Associação dos Servidores Administrativos da Unesp/ASA foram homenageados, chegando um a um para o Café da manhã.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Aqui reunidos, os primeiros Servidores receberam cumprimentos dos demais colegas que vieram especialmente para participar do Café Especial em sua homenagem.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
O Prof.Dr.Rogério Eduardo Garcia, Diretor da FCT/Unesp participou desse encontro de confraternização da ASA, ao lado do Pres.Paulo Cesar Tomiasi e Assessores.

Clique para ampliar! Clique para ampliar!
Após o Café Solidário em homenagem aos servidores da ASA foram realizados sorteios de brindes, sendo contemplados dentre outros, os Srs.: Aurélio Prado e Anézio Cognin.

Clique para ampliar!
Como lembrança dessa homenagem dedicada ao “Dia dos Pais”, alguns servidores se reuniram à frente da Associação para esta foto histórica.

escrito por Assessoria de Comunicação e Imprensa - FCT UNESP